Wellington Nem treina bem e deve voltar ao São Paulo contra o PSTC

Wellington Nem tem tudo para voltar a vestir a camisa do São Paulo em campo. Neste segunda-feira, na reapresentação da equipe no CT da Barra Funda, o atacante fez seu primeiro trabalho com bola junto ao elenco e não apresentou nenhuma restrição nos movimentos, indicando que que está completamente recuperado do estiramento muscular na coxa esquerda, que sofrera dia 5, logo no começo da partida contra o Osasco Audax, pela estreia no Campeonato Paulista. Com isso, a tendência é que Nem jogue nesta quarta, contra PSTC do Paraná, em Londrina, em duelo que vale vaga à terceira fase da Copa do Brasil.

Já o zagueiro Lyanco deve precisar de mais alguns dias para ficar à disposição de Rogério Ceni. O zagueiro de 20 anos voltou ao CT da Barra Funda nesta segunda depois de ficar 15 dias de folga por causa do Sul-Americano Sub-20. Para defender a Seleção Brasileira no torneio, Lyanco perdeu férias e toda a pré-temporada do Tricolor. Nesta segunda o jogador trabalhou apenas à parte do grupo.

Com exceção a Wesley, que segue no departamento médico depois de passar por uma artroscopia no joelho direito, todo o elenco são-paulino participou da atividade comandada por Rogério Ceni. O treinador comandou uma atividade movimentada, sempre em espaço reduzido e voltou a intensificar o aperfeiçoamento das finalizações a gol.

Ceni separou o grupo em quatro equipes e colocou quatro traves que formavam o desenho de uma cruz. Os jogadores recebiam a bola, concluíam a gol e em seguida tinham de repetir o gesto na trave seguinte. Os goleiros Sidão, Denis, Renan Ribeiro e Thiago Couto ficavam posicionados cada um em um gol e também rodavam sob o comando de Ceni. O destaque ficou para Denis. Titular contra o Novorizontino, o camisa 1 foi bem no treino desta segunda com grandes defesas.

O treinamento se tornou uma disputa individual, com os atletas se empenhando para marcar. Cada erro refletia em comemoração dos companheiros, sempre com muito bom humor. No fim, Rogério Ceni deixou apenas os jogadores que não marcaram gols. Sobraram Cueva, Cícero, Chavez e Juciliei.

Apenas os jogadores de defesa não participaram da atividade. No gol oposto, zagueiros e laterais treinaram simulações de gol, principalmente lances de bola aérea. Bruno, Maicon, Rodrigo Caio e Junior Tavares formaram o quarteto principal.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*