Vargas: proposta do Arsenal agrada o Nápoli

O São Paulo agora tem a concorrência do Arsenal (ING) para contratar o atacante chileno Eduardo Vargas, do Napoli (ITA). Os ingleses conversam por um empréstimo por seis meses, até o fim da temporada 2012/13, e agradam ao Napoli nas primeiras conversas. Para o estafe do jogador, caso o Arsenal avance nas negociações e chegue a um acordo com os italianos, a tendência é que a proposta do São Paulo seja recusada.

O estafe do jogador diz que Vargas ainda prefere atuar no Brasil, para evitar novo problema de adaptação, mas teme que os italianos só aceitem uma proposta do Arsenal. A oferta do São Paulo, também por empréstimo, é de 18 meses, até julho de 2014. A proposta dos ingleses agrada mais ao Napoli por ter duração menor e pelas maiores chances de negociação definitiva ao término do empréstimo – os italianos querem recuperar o investimento feito há um ano para tirar Vargas da Universidad de Chile, de 13,5 milhões de euros (equivalente a R$ 32 milhões, na época).

No São Paulo, o técnico Ney Franco já afirmou que torce pela contratação de Vargas para que possa manter o esquema no 4-2-3-1. Para o treinador, o chileno pode substituir Lucas, que foi vendido ao PSG, de imediato. Assim, formaria a linha ofensiva de meio de campo com Vargas, Jadson ou Ganso, e Osvaldo.

Antes do interesse do Arsenal, o São Paulo fez ao Napoli uma proposta de 1 milhão de euros (R$ 2,7 milhões) pelo empréstimo por 18 meses, e aceitou pagar os salários (cerca de R$ 200 mil) integralmente. O clube chegou ao acordo com o chileno, atendeu às bases pedidas pelo Napoli, enviou ofício à Itália e aguardava o aval para confirmar o empréstimo.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*