Trio são-paulino decide, mas sofre com falta de sequência

Enquanto o setor defensivo deixa a torcida do São Paulo preocupada, a situação do ataque é diferente. Contra o Cruzeiro, Jadson, Lucas e Luis Fabiano justificaram a confiança depositada pelo clube e, pela primeira vez no ano, os três fizeram gols na mesma partida.

Fabuloso é a contratação mais cara da história do Tricolor, Jadson foi o principal investimento feito para esta temporada e Lucas carrega o rótulo de maior revelação da base do clube desde Kaká.

 

Antes do último sábado, o trio ainda não havia sido decisivo junto. Em vários jogos nesta temporada, dois resolviam, mas um tinha atuação discreta. Com Rogério Ceni lesionado, os três são os principais jogadores do elenco tricolor.

– Jadson tem uma visão de jogo e um passe que não são para qualquer um. Lucas tem só 19 anos e um futuro muito grande. E Luis Fabiano é um dos melhores centroavantes que já vi pelo São Paulo. Passaram muitos bons por aqui, mas Luis é diferente – elogiou Milton Cruz, que ocupa a função de técnico interino.

Se qualidade técnica não falta, o trio tem dificuldade para conseguir o entrosamento ideal. Até porque, das 37 partidas desta temporada, eles só iniciaram 13 jogos juntos.

A pouca quantidade de jogos se deve por Jadson ter estreado apenas em fevereiro e, depois, ter ficado afastado de algumas partidas. Luis Fabiano perdeu diversos jogos por lesão ou suspensão. Por fim, Lucas é nome constante na lista da Seleção.

Com exceção ao camisa 10, o São Paulo continuará sofrendo com os outros problemas. Nas próximas semanas, Lucas irá para a Olimpíada de Londres e voltará a ser desfalque. Já Fabuloso será julgado hoje e não vai escapar de um gancho.

Depois da vitória sobre o Cruzeiro, o Tricolor segue em busca de dias mais calmos. Para isso, Milton Cruz conta com o apoio de seus principais jogadores. E o trio é peça importante pela técnica de Jadson, liderança de Luis Fabiano e velocidade de Lucas.

Características que se completam e formam um ataque de respeito. Mas para ficar ainda melhor, é preciso dos três juntos em campo.

A importância do trio
Jadson – Na vitória por 3 a 2 sobre o Cruzeiro, o camisa 10 fez o terceiro gol do Tricolor. Ele aproveitou rebote do goleiro Fábio, após chute de Cortez, e bateu no canto. O Tricolor pagou cerca de R$ 10 milhões para tirar o meia do Shakhtar (UCR). O meia esteve em campo em 31 jogos nesta temporada, dos 37 do time. Ele marcou cinco gols até agora.
Lucas – Quando o jogo estava 1 a 1, Luis Fabiano brigou com os zagueiros e a bola sobrou para Lucas. O camisa 7 invadiu a área, driblou um marcador e bateu na saída de Fábio. O valor da multa para tirar Lucas do São Paulo é de 80 milhões de euros (cerca de R$ 180 milhões) até o fim de 2015. O garoto de 19 anos fez 35 jogos nesta temporada. Ele ajudou o ataque com nove gols marcados.
Luis Fabiano – Fabuloso foi o autor do primeiro gol do jogo. Oportunista, ele aproveitou a falha de Rafael Donato e, livre, bateu cruzado para superar Fábio, que depois pegaria um pênalti dele. O Tricolor pagou R$ 17 milhões para comprar o centroavante do Sevilla (ESP). Fabuloso disputou 21 neste ano. Lesão e suspensões o atrapalharam. Ele fez 17 gols.

Eles resolveram…

São Paulo 2×1 Portuguesa
12/3 – Jadson marcou o primeiro gol e deu assistência para Luis Fabiano garantir a vitória. Em compensação, Lucas saiu do Morumbi chorando, após críticas de Leão a seu futebol.

São Paulo 3×1 Ponte Preta
10/5 – Jadson ficou no banco de reservas e só entrou na etapa final. Lucas marcou o segundo e Luis Fabiano fez o gol que manteve o Tricolor vivo na Copa do Brasil.

São Paulo 2×0 Goiás
16/5 – No primeiro jogo das quartas de final da Copa do Brasil, Lucas lançou Luis Fabiano, que invadiu a área e tocou por cima de Harlei para abrir o placar. Jadson teve atuação discreta e foi substituído.

Botafogo 4×2 São Paulo
20/5 – Na estreia do Tricolor neste Campeonato Brasileiro, o trio deu mostras de sua força. Eles apareceram bem na frente, mas o time acabou perdendo. Jadson marcou após assistência de Lucas e Fabuloso também fez o dele.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*