Sem os titulares, quarteto são-paulino tem a chance de comprovar valor

Por ter os jogos decisivos contra o Bolívar (BOL) logo no início da temporada, Ney Franco começou o ano com uma equipe na cabeça. Mas bastou o time não funcionar da forma esperada na primeira rodada do Paulistão Chevrolet para ele mudar de ideia.

E os jogadores que vão enfrentar o Atlético Sorocaba, neste sábado, às 17h, no Morumbi (com transmissão em tempo real pelo LANCE!Net), entrarão em campo para tentar, ao menos, deixar o treinador em dúvida. A única exceção é Aloísio, único atleta que será mantido em relação à equipe que goleou no primeiro jogo da Libertadores.

A comissão técnica decidiu poupar os principais jogadores para quarta-feira, no duelo de volta contra o Bolívar, em La Paz. Com isso, Rafael Toloi, Casemiro, Ganso e Cañete têm a chance de mostrar porque são os mais credenciados à uma vaga na equipe titular do Tricolor.

Toloi terminou 2012 em alta, mas perdeu espaço com a chegada de Lúcio. Muitos apostavam que ele seria mantido na equipe, mas Ney optou por Rhodolfo.

– Estou no mesmo nível que eles dois, é opção do Ney e respeito. É uma honra poder jogar com o Lúcio. O jogo é uma boa oportunidade para todos mostrarem o futebol – afirmou o camisa 2.

Diferentemente do zagueiro, Casemiro não teve um grande ano em 2012. No entanto, tem sido muito elogiado nesta pré-temporada. Ney Franco já disse que ele só não tem atuado porque Denilson e Wellington vivem ótimo momento.

Ganso foi titular na estreia da equipe no Paulistão, mas não teve boa atuação e perdeu a vaga de titular. Agora, o camisa 8 tem a chance de provar que está melhor fisicamente e com mais ritmo de jogo.

Cañete é o outro que será muito observado. Desde 2011 no clube, será a primeira vez como titular, depois de seguidas lesões. O argentino é candidato a ocupar a posição deixada por Lucas, que Aloísio exerceu na última quarta-feira, no Morumbi.

Além de mostrar serviço para Ney Franco, os reservas jogam para manter a invencibilidade. No fim do ano passado, atuaram contra a Ponte Preta e empataram. Depois, venceram o Corinthians por 3 a 1.

A situação dos quatro jogadores:

Rafael Toloi

– Começo na reserva
Toloi foi uma das principais contratações do São Paulo em 2012. E logo em sua primeira temporada, virou titular absoluto e teve boas atuações. Porém, com a chegada de Lúcio, foi para o banco.

36 jogos fez Toloi no ano passado, somando Brasileirão e Copa Sul-Americana. O zagueiro ainda anotou três gols.

Casemiro

– Elogiado por Ney Franco
2012 foi um ano ruim para Casemiro, que conviveu com a reserva em grande parte da temporada. Em 2013, porém, tem mostrado muita vontade nos treinos e ganhou elogios do técnico Ney Franco.

50 partidas fez Casemiro na temporada passada. Porém, em grande parte delas o volante veio do banco de reservas.

Ganso

– Perdeu a titularidade
Paulo Henrique Ganso chegou como o grande reforço do clube no ano passado. Neste ano, o meia começou como titular mas, logo no segundo jogo, perdeu a vaga para o atacante Aloísio.

24 milhões de reais custou o Maestro ao São Paulo após uma longa negociação com o Santos, que se estendeu por um mês.

Cañete

– Ano para aproveitar
Cañete chegou ao Tricolor em 2011 mas, por conta de lesões, não conseguiu ter sequência. Bem fisicamente, o meia tem entrado nas partidas deste ano e deve ganhar mais chances na temporada.

6 partidas apenas fez Cañete pelo São Paulo desde que foi contratado pelo Tricolor junto à Universidad Católica (CHI).

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*