São Paulo põe futuro em jogo em confronto direto com San Lorenzo

Passadas duas rodadas, São Paulo e San Lorenzo somam três pontos cada na Copa Libertadores e, dada a tabela do grupo 2, tornaram-se concorrentes diretos por uma das vagas da chave atualmente liderada pelo Corinthians, única equipe 100%. Às 22 horas (de Brasília) desta quarta-feira, os dois times se enfrentam no Morumbi no primeiro dos dois confrontos seguidos entre eles.

“Temos total noção do que é essa partida. Estamos jogando dentro de casa, temos que fazer o dever de casa. Temos que vencer e buscar os próximos seis pontos”, disse o meia Paulo Henrique Ganso, já se referindo à partida de 1º de abril, na Argentina.

Após ter perdido para o Corinthians na estreia, o time treinado por Muricy Ramalho conquistou a primeira vitória diante do Danubio. A goleada em casa, contudo, não convenceu pelo fato de os uruguaios terem o elenco mais fraco do grupo. É mesmo contra o San Lorenzo o teste de fogo do São Paulo no torneio continental, cuja edição passada, a propósito, foi vencida justamente pelos argentinos.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Muricy Ramalho não confirmou a escalação da linha de frente do São Paulo para este jogo

“Pois é, é o atual campeão. Um time que, na última partida, apesar de ter perdido (como mandante para o Corinthians), criou inúmeras oportunidades de gol. Temos que ter a cabeça no lugar, não entrar em briga. Pensar só em fazer nosso melhor”, receitou o camisa 10 são-paulino, que, ao lado de Michel Bastos, tem titularidade garantida no sistema ofensivo. Os outros dois nomes do setor seguem em segredo, depois de Muricy ter fechado parte do treino de terça-feira.

A disputa está entre quatro nomes: Alexandre Pato, Ricky Centurión, Luis Fabiano e Alan Kardec. Pela primeira vez desde o início do ano, o treinador – que recentemente descartou a hipótese de atuar com Luis Fabiano e Alan Kardec juntos – tem todo o quarteto à disposição. Pato sustenta a condição de artilheiro da equipe, com oito gols marcados. A favor do argentino Centurión, pesa o fato de ter ido bem no último clássico contra o Corinthians e conhecer bem seus compatriotas.

Djalma Vassão/Gazeta Press

O treinador Edgardo Bauza resolveu promover quatro alterações no San Lorenzo para enfrentar o São Paulo

Tão pressionado quanto por uma vitória, o San Lorenzo fez um único ensaio em território brasileiro para o reconhecimento do gramado do Morumbi. Após vencer de virada o clássico contra o Huracán, o técnico Edgardo Bauza resolveu sacar Cetto (zagueiro), Mercier (volante), Romagnoli (meia) e Matos (centroavante) para as entradas de Yepes, Ortigoza, Barrientos e Cauteruccio diante do São Paulo.

“Esses atletas estão saindo principalmente pelo desgaste que vêm sofrendo (todos têm mais de 32 anos). O último jogo foi intenso, como vai ser o de quarta-feira. Preciso da equipe bem fisicamente e por isso escolhi outros jogadores para começar, para que o time esteja preparado para suportar a pressão que o São Paulo vai exercer desde o começo”, disse Bauza.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X SAN LORENZO

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18 de março de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Wilmar Roldán (COL)
Assistentes: Humberto Cavijo (COL) e Eduardo Díaz (COL)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Edson Silva e Carlinhos; Denilson, Souza, Ganso e Michel Bastos; Centurión e Alexandre Pato
Técnico: Muricy Ramalho

SAN LORENZO: Torrico; Buffarini, Yepes, Caruzzo e Mas; Kalinski, Ortigoza, Mussis e Blanco; Barrientos e Cauteruccio.
Técnico: Edgardo Bauza

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “São Paulo põe futuro em jogo em confronto direto com San Lorenzo

  1. Se o São Lorenzo joga com velocidade pelas pontas acho temerário jogar com o Edson Silva cobrindo o Carlinhos, melhor seria o Lucão, com muito mais velocidade.

  2. Dos quatro atacantes LF é o mais fraco devido a sua maneira de jogar e porque também já não conta com aquele vigor físico que muitas vezes fazia a diferença contra os zagueiros adversários.

    Eu ainda colocaria Hudson na lateral aproveitando sua boa qualidade de marcador e também de passe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*