São Paulo e Inter decidem Brasileiro de Aspirantes neste sábado

Se no Campeonato Brasileiro São Paulo e Internacional já não disputam mais o título e terminarão o ano sem levantar uma taça, no Aspirantes o Tricolor e o Colorado ainda podem terminar 2018 soltando o grito de campeão. Neste sábado, às 17h (de Brasília), no Estádio do Morumbi, os times comandados por Marcos Vizolli e Ricardo Colbachini decidem a competição nacional sub-23, com o time paulista em vantagem.

Na partida de ida, realizada no Beira-Rio, em Porto Alegre, o São Paulo saiu de campo vitorioso por 1 a 0, com gol marcado pelo meio-campista Vinícius Garcia. Agora, em casa, o Tricolor garante o título com um empate. Uma vitória do Inter por um gol de diferença leva a decisão para os pênaltis.

Além da vantagem construída no primeiro jogo da final, o São Paulo chega como favorito pela campanha construída ao longo do Brasileiro de Aspirantes. Em 17 partidas, o time comandado pelo ex-volante Marcos Vizolli conquistou 13 vitórias, empatou três vezes e sofreu apenas uma derrota. Melhor defesa e dono de 29 golos, o Tricolor não sabe o que é sofrer um tento há sete partidas.

Do time profissional, o time do Morumbi conta com alguns jogadores, todos formados nas categorias de base em Cotia, como o goleiro Lucas Perri, o meia-atacante Caíque, que atua também como lateral-esquerdo, o volante Paulo Henrique e o atacante Pedro Bortoluzo. O centroavante, inclusive, é o vice-artilheiro da competição com oito gols e participou da derrota do time principal para o Vasco na última quinta-feira.

“Com certeza a decisão está aberta, o Internacional é um time muito forte, que leva muito a sério essa competição. Será um jogo muito bom, estamos preparados para enfrentar uma grande partida e torcemos para que o torcedor possa vir nos prestigiar”, disse o treinador tricolor, Marcos Vizolli.

Já pelo lado do Colorado, a expectativa é de virada do resultado e conquista do título em pleno Morumbi. Para isso, o time trabalhou de forma intensa no CT Parque Gigante na última quinta-feira, no penúltimo treino em solo gaúcho. Durante a atividade, o técnico Ricardo Colbachini orientou a marcação e a organização ofensiva, antes de focar nas bolas paradas, tanto defensivas quanto ofensivas. Nesta sexta, o time realizou o último antes de viajar para a capital paulista.

Diferentemente do São Paulo, a campanha do Internacional teve seus percalços. Foram, ao todo, cinco vitórias, oito empates e quatro derrotas do time comandado por Colbachini, que passou pelo Vitória na semifinal após vencer o jogo de volta por 3 a 1 e superar o revés sofrido no primeiro jogo.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*