São Paulo descarta Adidas e deve fechar com Puma ou Under Armour

O São Paulo está muito perto de ter uma nova fornecedora de material esportivo. A alemã Puma e a norte-americana Under Armour negociam com o clube o espaço que hoje é ocupado pela brasileira Penalty. As conversas com a também alemã Adidas não avançaram e ela foi descartada.

O acordo vem sendo alinhavado pelo gerente de marketing do Tricolor, Gilberto Ratto. Nos últimos dias, representantes das empresas se reuniram com a direção são-paulina para discutir os termos do contrato. Os valores oferecidos pela Adidas não agradaram, colocando Puma e Under Armour como as únicas na disputa.

O clube diz que foi autorizado pela Penalty a procurar uma nova fornecedora. A empresa tem dificuldades para honrar o compromisso e abrirá mão do contrato caso o Tricolor encontre um novo parceiro.  Há a possibilidade de o rompimento ser feito ainda neste ano.

Penalty e São Paulo estão juntos desde 2013, mas sempre tiveram uma relação complicada pela falta de periodicidade no pagamento das parcelas. O vínculo, com validade até o fim de 2015, é de R$ 36 milhões, incluindo todo o fornecimento do material e os royalties.

Forte nos Estados Unidos e na Europa, a Under Armour tenta entrar no futebol brasileiro desde o ano passado e vê o São Paulo como uma grande oportunidade para a exposição da marca, já que conta com jogadores renomados e disputa os principais torneios do país.

A Puma possui um nome mais consolidado no Brasil, fornecendo uniformes para Atlético-MG, Botafogo e Goiás.

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “São Paulo descarta Adidas e deve fechar com Puma ou Under Armour

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*