São-paulinos destacam obrigação de vencer lanterna em “jogo difícil”

Atrás do embalo necessário para se juntar aos líderes do Campeonato Brasileiro, o São Paulo enfrentará nesta quarta-feira o lanterna Atlético-GO, no Serra Dourada. Com apenas cinco pontos conquistados nos 11 jogos disputados até o momento, o time rubro-negro poderia ser visto como um adversário fácil de ser batido pelos comandados de Ney Franco, mas foi classificado pelos próprios jogadores como um oponente à altura do Tricolor.

Escalado mais uma vez entre os titulares, Maicon foi um dos que pediram cuidado com a imprevisível equipe goiana. O volante acredita que a ânsia de conquistar vitórias para deixar a última colocação do torneio fará do Atlético-GO um obstáculo difícil de ser superado nesta etapa do Brasileirão.

“Temos que entrar para vencer qualquer equipe. Eu assisti a alguns jogos do Atlético-GO e pude ver que eles têm bons jogadores. Precisamos manter o respeito, mas temos que ir para Goiânia pensando apenas na vitória. O São Paulo tem que estar sempre ganhando. Nós iremos manter essa mesma aplicação e vontade da última rodada para não sermos surpreendidos”, comentou o volante tricolor.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Maicon alertou o São Paulo para os perigos que serão proporcionados pelo Atlético-GO no Serra Dourada

O discurso precavido de Maicon foi endossado pelas palavras do zagueiro Edson Silva. Provável titular nesta quarta-feira, o defensor pediu cautela aos seus companheiros e destacou as qualidades apresentadas pelo Dragão nesta competição. “Jogar com o lanterna é sempre chato. Mesmo que você não queira, a tendência é pensar que o jogo é fácil. O time deles é rápido e deixará a partida muito complicada. Nós temos é que seguir com a mesma pegada para ganhar lá dentro.”

Com o esquema de três zagueiros mantido para o duelo no Serra Dourada, o São Paulo tentará se aproveitar novamente do seu meio-campo congestionado para confundir a marcação adversária. Em sexto lugar, a equipe espera somar os três pontos diante do seu fragilizado adversário para entrar de vez na briga pelo G-4. O time aparece com 19 pontos na tabela de classificação e precisa tirar uma vantagem de três aberta pelo Grêmio, quarto colocado do Brasileiro.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*