São Paulo luta contra indisciplina e chega ao 8º jogo sem time completo

Contra o Atlético-GO nesta quarta-feira, às 21h50, o São Paulo fará seu oitavo jogo neste Brasileiro sem ao menos um de seus jogadores suspenso por indisciplina. O zagueiro João Filipe, com o terceiro amarelo, ficará fora do duelo em Goiânia.

Antes dele, os volantes Rodrigo Caio e Denilson (duas vezes) e o atacante Luis Fabiano (três) também ficaram fora por cartões. Já o zagueiro Edson Silva chegou a ser vetado por cometer um ato inusitado: tomou um analgésico que poderia ser considerado doping e foi impedido de entrar em campo pelos médicos do clube.

Entre os times do Estado de São Paulo, o tricolor é que o mais sofre com as suspensões. Nem Corinthians, nem Santos ou Palmeiras tiveram tantos jogadores punidos pelos árbitros e impedidos de jogar. Segundo o Datafolha, a equipe do Morumbi já recebeu 30 cartões amarelos e dois vermelhos, números que a colocam entre as primeiras colocadas no ranking de indisciplina.

As suspensões prejudicam a intenção do técnico Ney Franco de conhecer o time e dar padrão tático à equipe.

“Tivemos problemas com lesões no meio-campo e tivemos que usar jogadores jovens na posição. Com pouca experiência, eles erram a antecipação, chegam atrasados e fazem faltas”, disse o técnico na semana passada após o São Paulo perder para o Vasco no Morumbi. O volante Rodrigo Caio tinha acabado de ser expulso e teria de cumprir suspensão no jogo seguinte.

Já o experiente Denilson, que usará a faixa de capitão contra o Atlético-GO por causa da ausência de Luis Fabiano, costuma explicar que o fato de ele fazer muitas faltas tem relação com o estilo de marcação que aprendeu na Inglaterra. Ele jogou de 2006 a 2011 no Arsenal.

Outro fator que ajuda a explicar o nervosismo de alguns jogadores do São Paulo, que pode resultar em atos de indisciplina, é a pressão da torcida. Com a conquista da Copa do Brasil pelo Palmeiras, o time tricolor passou a ser o grande paulista que está há mais tempo sem uma conquista importante.  Impaciente, os torcedores, principalmente os membros de organizadas, têm demonstrado frustração e pressionado o time com críticas durante os jogos. Luis Fabiano, Casemiro, Cícero e Paulo Miranda costumam ser os principais alvos dos protestos das arquibancadas.

Fonte: Uol

Um comentário em “São Paulo luta contra indisciplina e chega ao 8º jogo sem time completo

  1. Segundo ouvi em programa esportivo na ESPN não só entre os paulistas como também entre os 12 maiores do Brasil – Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Cruzeiro, Atlético, Internacional, Grêmio, Santos, Palmeiras e Corinthians, todos ganharam um título pelo menos de 2009 até hoje. Não desista Juvenal que seu objetivo está muito próximo, sem títulos, sem patrocínio, sem copa, sem olimpíada, etc…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*