Rodrigo Caio repete 2013, “assume a bronca” na crise e tem ajuda de Cotia

Se o momento é difícil, se a pressão é grande e se a zona de rebaixamento se aproxima, o São Paulo tem uma solução: Rodrigo Caio. Herói da virada sobre o Fluminense na última segunda-feira, o zagueiro tem sido a peça mais decisiva para o time tricolor no segundo semestre. Pela segunda vez na carreira, pode ser essencial para livrar o clube do rebaixamento.

Em 2013, por exemplo, o defensor marcou três gols importantes na luta contra a degola – Atlético-PR, Vasco da Gama e Portuguesa foram as vítimas. Na batalha atual, usou a cabeça contra o Flu e para chamar de vez a responsabilidade como segundo atleta com mais jogos neste elenco. Apenas Diego Lugano, com 201 partidas, atuou mais vezes do que o camisa 3, que disputou 193.

A diferença em relação à campanha de três anos atrás é que agora Rodrigo não está sozinho. Com medalhões em má fase, como Maicon e Michel Bastos, a força das categorias de base do clube pode ser essencial para escapar de vez do rebaixamento para a Série B. E a ajuda vem de diversas gerações formadas no CFA Laudo Natel.

Também nascido em 1993, João Schmidt voltou a ser titular na segunda-feira devido à lesão muscular de Hudson e assim deve seguir para dar mais qualidade à saída de bola tricolor. O volante, promovido aos profissionais em 2012, tem apenas 46 partidas pelo clube e tenta ganhar a confiança de Ricardo Gomes após período de baixa.

No ataque, a mania da vez é David Neres, que estreou no time principal contra o Fluminense e já se transformou em xodó da torcida e até da diretoria (ver mais ao lado). O garoto de 19 anos mostrou personalidade ao partir para cima dos marcadores e criou ao menos duas chances perigosas. Quem também recebeu oportunidade e agradou foi Pedro, de 20 anos.

E, para a sequência do Brasileirão, novas apostas da base podem reaparecer na equipe. Lyanco, que se recupera de lesão muscular, é candidato à vaga dos suspensos Maicon e Lugano. Buffarini também cumprirá gancho e, como Bruno está machucado, Auro é opção para concorrer com Wesley, que tem sido improvisado no setor.

AGENDA DA BASE

Nesta quarta-feira, às 16h, o São Paulo recebe o Náutico no CFA Laudo Natel, em Cotia, para o jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil Sub-20. O primeiro confronto, realizado na semana passada em Paulista (PE), o Tricolor venceu por 4 a 1 e pode até perder por 3 a 0 que avança para as quartas de final da competição da qual foi vencedor em 2015. No sábado, também às 16h e em Cotia, o time tem a volta das oitavas do Paulistão, contra o Santo André.

 

Fonte: Lance

Um comentário em “Rodrigo Caio repete 2013, “assume a bronca” na crise e tem ajuda de Cotia

  1. Esse garoto ta fazendo papel q deveria ser do migue bastos.
    Parabens ao rodrigo, maicon e ao denis.
    Devemos gratidao a esses tres q jogam com amor ao SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*