Rafael Toloi completa 24 anos e agradece confiança do São Paulo

Nesta sexta-feira, dia 10 de outubro, Rafael Toloi completou 24 anos de vida e agradeceu ao São Paulo por seu amadurecimento como pessoa e atleta. Já são duas temporadas no time do Morumbi e, meio a momento difícil provocado por lesão muscular na coxa esquerda, o zagueiro elegeu o título da Copa Sul-Americana de 2012 como seu melhor momento como tricolor.

– São apenas dois anos aqui, mas aprendi muito nesse período. Vivi muitas coisas, com bons e maus momentos, e sempre trabalhei para ajudar os meus companheiros. Nunca faltou dedicação e, por isso, acredito que evoluí. Ganhar a Sul-Americana aumentou o meu desejo de vencer ainda mais aqui – disse o beque.

No início deste ano, Toloi foi emprestado à Roma (ITA) por seis meses e tinha a esperança de permanecer no time da capital italiana. A diretoria do São Paulo chegou a abrir negociações para negociá-lo em definitivo com os romanistas, mas, de última hora, o acordo acabou não saindo. Desde então, o defensor voltou ao Tricolor para ser titular e só deixou a equipe devido a estiramento na coxa esquerda sofrido contra o Corinthians no dia 21 de setembro.

– Tive uma boa passagem pelo futebol europeu, enfrentei grandes clubes e realizei um sonho. Retornei bem ao Brasil, esperei pela minha oportunidade e me dediquei quando apareceu. Hoje posso dizer que sou muito mais experiente. Saber que o Muricy (Ramalho) queria a minha volta também foi importante, deu mais confiança. Amadureci, me tornei um pai de família e estou muito feliz – contou.

Além da titularidade no São Paulo, Rafael Toloi pôde comemorar também o nascimento da filha Maria Raffaela em agosto. Motivado pela menina, o camisa 2 espera voltar o mais rápido possível para ajudar o Tricolor na disputa do Campeonato Brasileiro e da Copa sul-Americana.

– Espero voltar bem quando me recuperar. Faltam poucos dias para poder ficar à disposição do time novamente. Tenho feito tudo certinho, sem pressa ou afobação. Quero me recuperar bem e retomar a briga por títulos. Aqui, somos sempre cobrados por conquistas e farei de tudo para que isso aconteça no Brasileiro e na Sul-Americana – projetou.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*