Pesquisa aponta São Paulo como empregador dos sonhos dos jogadores

O São Paulo é o time que os boleiros brasileiros mais gostariam de jogar, mostra pesquisa feita pelo UOL Esporte com 100 jogadores de 15 equipes do país. Na votação, foi permitido que o atleta votasse no próprio time em que atua.

Sob anonimato, atletas de São Paulo, Corinthians, Santos, Palmeiras, Cruzeiro, Atlético-MG, Flamengo, Vasco, Fluminense, Botafogo, Grêmio, Internacional, Figueirense, Goiás e Vitória votaram em 13 quesitos, que serão publicados ao longo dos próximos dias em uma série com dez edições.

Na votação para qual clube o atleta gostaria de jogar, o São Paulo ganhou, com 12% dos votos. Foi quase que um empate técnico com Corinthians e Botafogo, que tiveram 11% cada um.

O Palmeiras foi o quarto, com 9%. O Barcelona teve 6%, um a mais do que Flamengo e Fluminense. O Cruzeiro teve 3%, um a mais do que o Grêmio. Inter de Milão, Real Madrid, Chelsea, Milan, Juventus-ITA , Santos, Atlético-MG tiveram 1%.

Na última sexta-feira, o UOL Esporte mostrou que Muller é o pior comentarista do país na opinião dos jogadores. O ex-atacante da seleção brasileira teve 35% dos votos, quase o triplo do segundo colocado, Neto, da TV Bandeirantes, que ficou com 12%. Na terceira colocação ficou Paulo César Vasconcelos, do Sportv, com 9%.

Casagrande, da TV Globo, com 6%, foi o quarto. Renato Maurício Prado, da Fox Sports, teve 3%. Edmundo, da Band, Bob Farias e Roger Flores, do Sportv, tiveram 2%. Maurício Noriega, do Sportv, Paulo Vinícius Coelho, da ESPN, e o CQC, da Band, tiveram 1%.

Milton Leite foi eleito o melhor narrador, com 25% dos votos. Superou por pouco o companheiro global Cleber Machado, que teve 23%. Outro nome da emissora ficou na terceira colocação: Galvão Bueno, com 18%. Luiz Roberto, outro da Globo, foi o quarto, com 15%.

Luiz Carlos Junior, do Sportv, teve 7%. Pedro Ernesto Denardim, da Rádio Gaúcha, teve 2%, um a mais do que o uruguaio Alberto Kesman.

Como comentarista, Caio Ribeiro deu uma lavada na concorrência e foi escolhido o melhor com 49%. O ex-jogador Junior teve 16%. Completando o pódio global, Casagrande ficou em terceiro, com 9%. Lédio Carmona, do Sportv, teve 7%. Rafael Rezende, do Sportv, e Paulo Vinícius Coelho, da ESPN, tiveram 4%. Mauro Beting, da Bandeirantes, teve 1%.

Abel Braga, do Fluminense, foi o preferido entre os jogadores brasileiro como o melhor treinador de 2012. Ele venceu com 38% dos votos.

Na mesma pesquisa, Neymar foi eleito o melhor jogador em atividade no futebol brasileiro, com 89% dos votos.

Já Fred foi eleito o melhor jogador do Campeonato Brasileiro. Artilheiro da competição com 20 gols marcados, o atacante do Fluminense recebeu 27% dos votos, seguido muito de perto por Ronaldinho Gaúcho, com 23% e Neymar, com 19%.

Explica-se: o jogador do Santos participou apenas de 17 partidas das 38 da equipe no campeonato, e por isso não foi escolhido, apesar de ser o melhor do país na opinião dos companheiros.

Fonte: UOl

Um comentário em “Pesquisa aponta São Paulo como empregador dos sonhos dos jogadores

  1. Dagoberto, que o diga!!! Ficou cinco anos no São Paulo ganhando em dia e no mole, sem cobranças.
    O come-dorme saiu sem dar um tostão de lucro ao clube na sua transferência e no novo emprego não está nem há um ano e já querem se livrar dele.
    Não há clube melhor que o São Paulo para se trabalhar!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*