“Pai” de Lucas e Casemiro, Ricardo Gomes lança Neres após pedidos

A insatisfação da torcida é grande nas redes sociais. A campanha ruim no Campeonato Brasileiro e a pressão interna de conselheiros também pesam contra. Mas Ricardo Gomes ganhou um trunfo para defender sua segunda passagem pelo São Paulo como treinador. Foi o responsável por lançar David Neres, uma das maiores promessas do clube.

Em 11 de setembro, o técnico resolveu levar o garoto de 19 anos para o banco de reservas pela primeira vez. O time tricolor vencia o Figueirense por 3 a 0 e a torcida no Morumbi pedia a entrada da joia. Ricardo Gomes recuou e optou por fazer o recém-chegado Robson estrear. Coube a Neres a espera e voltar à base para manter o ritmo pela equipe sub-20.

Na última segunda-feira, porém, Ricardo resolveu ignorar algumas preocupações que o incomodavam no processo de lançamento do jovem. A proximidade da zona de rebaixamento, turbinada pelo mau desempenho do ataque no Brasileirão – agora 30 gols em 31 jogos -, foi deixada de lado e David Neres enfim, estreou.

“Coloquei porque tem treinado muito bem, por isso ganhou essa chance. A dúvida que tinha para colocá-lo era por causa da situação que vivemos. Mas ele tem personalidade. Foi uma boa surpresa para todos, é um jogador que vai crescer bastante no São Paulo”, apostou o comandante, que viu o garoto mudar a partida contra o Fluminense, que terminou em vitória por 2 a 1.

E essa não é a primeira vez que Ricardo exerce importante papel na formação de atletas no time tricolor. Em 2010, foi ele quem puxou o volante Casemiro e o meia Lucas, então chamado de Marcelinho, para integrar o elenco principal. Os dois haviam sido campeões da Copa São Paulo de Juniores meses antes e têm o técnico como um tutor na carreira.

Casemiro ainda chegou a estrear com o treinador. Em 25 de julho de 2010, enquanto os titulares se preparavam para as semifinais da Libertadores contra o Internacional, o volante teve oportunidade ao lado dos reservas na derrota por 1 a 0 para o Santos. Na mesma semana, foi usado na vitória por 2 a 1 sobre o Ceará. Lucas, porém, apenas treinou com Ricardo Gomes e estreou justamente na partida seguinte à saída do técnico, com o interino Sérgio Baresi.

2 comentários em ““Pai” de Lucas e Casemiro, Ricardo Gomes lança Neres após pedidos

  1. É assim; Na verdade o David Neres foi a campo porque o
    Mac se responsabilizou pelo menino !!!! Porque se fosse pelo
    cagão do Ricardo Gomes, jamais seria lançado !!!
    Por que os tecnicos são todos assim?????
    Lembram-se do Muri digo BurricY ? Tambem era a mesma merda.
    Não lançava ninguem e quando era obrigado a lançar se cobria de glorias
    dizendo qie foi ele quem lançou. Sabem, perdemos o Oscar por unica
    responsabilidade do Burricy. Não tenho memoria curta não. São todos FDPs!!!
    A maior gloria do Burricy foi escalar sempre e sempre o Aluisio Chulapa para fazer pivo e nas bolas cruzadas tentar o cabeceio. E depois falava que era tecnico moderno. E o burro do Juvenal pagava 600 paus por mes para fazer durante todos os anos a mesma jogada. O torcedor inteligente sabia disso, mas sempre achei que o JJ levava graninha por esta corrupção.

  2. Ricardo Gomes… o gênio! Só faltou o autor da matéria rotular ele como tal. Claro que lançou no desespero… quando a vaquinha dele já estava enterrada e só o chifre estava para fora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*