Ney Franco ensaia o primeiro losango com Ganso na armação tricolor

O técnico Ney Franco alterou novamente o posicionamento de seus atletas e testou uma nova variação do esquema 4-4-2 para Paulo Henrique Ganso assumir a armação das jogadas ofensivas do São Paulo. Em treinamento realizado nesta quinta-feira no CFA de Cotia, o comandante formou um losango no meio-campo e apenas alternou algumas peças ao longo das atividades com bola.

Após o alongamento de sua equipe, o treinador convocou os jogadores para uma breve conversa no centro do gramado. Com pequenos gols dispostos em frente à meta defendida por Denis, os reservas  tinham seus toques contados pela comissão técnica e marcavam as jogadas criadas pelos titulares.

O time principal entrou em campo em um 4-1-2-1-2 e foi formado por: Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson, Jadson e Ganso; Osvaldo e Luis Fabiano. O novo esquema colocava Wellington na proteção da zaga e dava mais liberdade para que Denilson, escalado à direita, pudesse tocar bola com Jadson, que ocupou o lado esquerdo do campo.

A segunda metade das atividades inverteu os papeis. Os titulares passaram a ter seus toques contados e sofreram uma pequena alteração. Denilson foi transferido para o posto de Wellington para proteger os zagueiros das investidas de Maicon, Cañete e Aloísio. Ganso continuou como principal armador da equipe e só perdeu a posição quando Ney Franco promoveu alguns reservas na etapa final do treinamento.

A expectativa é de que Ney Franco volte a testar o losango desta quinta-feira nos próximos treinamentos do São Paulo. Em entrevista concedida à Gazeta Esportiva.net em setembro de 2012, o comandante revelou os rabiscos feitos enquanto Ganso ainda pertencia ao Santos. Como o meia Lucas já havia acertado com o Paris Saint-Germain na época, o comandante estudava meios de substituir o esquema com três atacantes por um que permitisse a presença do camisa 8 ao lado de Jadson.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*