Muricy testa Tricolor “mutante” contra um Timão com cara de Mano

São Paulo e Corinthians opõem duas equipes em estágios diferentes neste domingo, às 16h (horário de Brasília), na Arena Barueri. Do lado tricolor, Muricy Ramalho ainda apresenta muitas dúvidas para encontrar o time ideal e dar uma sequência de jogos à formação. Os alvinegros, por sua vez, vivem momento distinto: com escalação e esquema tático definidos, Mano Menezesespera se aproveitar do entrosamento para levar a melhor no Majestoso.

Montagem Muricy Ramalho e Mano Menezes (Foto: Editoria de arte)Muricy Ramalho e Mano Menezes se enfrentam neste domingo, na Arena Barueri

Durante o Campeonato Paulista, Muricy deu preferência ao 4-2-3-1, mas a equipe com Pabón e Osvaldo abertos pelas pontas não deu resultado. No início do Brasileiro e na segunda fase da Copa do Brasil, partiu para o 4-4-2, com Ganso e Boschilia na armação, além de Alexandre Pato e Luis Fabiano no setor ofensivo. Os efeitos também não foram os esperados.

No empate por 2 a 2 com o Coritiba, no último sábado, o Tricolor foi a campo num 4-2-4, com Pabón e Alexandre Pato se revezando na armação de jogadas. A entrada de Ganso – que chegou a reclamar das constantes mudanças na equipe – surtiu efeito, e ele foi mantido entre os titulares para a partida seguinte, quando o São Paulo bateu o CRB por 3 a 0 sob o esquema 4-3-3, com Souza e Maicon completando o meio-campo, além de Osvaldo no ataque.

A vitória sobre o time alagoano aliviou o clima no Tricolor. A instabilidade ficou de lado, e a equipe do Morumbi chega ao Majestoso com a missão de derrubar a invencibilidade de sete jogos do Corinthians. A última vez que o Timão sofreu gols foi justamente no clássico contra o São Paulo, no Pacaembu, que terminou com vitória por 3 a 2 dos comandados de Muricy Ramalho.

Para aquela partida, a escalação de Mano Menezes foi a seguinte: Cássio; Fagner, Cleber, Gil e Uendel; Ralf, Guilherme, Bruno Henrique (Danilo) e Renato Augusto (Guerrero); Romarinho (Emerson) e Luciano. A eliminação precoce no Paulistão e o período sem jogos oficiais ajudou Mano a fazer as alterações necessárias e consolidar a equipe que iniciaria o Campeonato Brasileiro como titular, sem mudanças a curto prazo.

Hoje, com Petros, contratado do Penapolense, o Timão consolidou um esquema bem definido. No 4-4-2, a única ausência da equipe “original” para o clássico será Jadson, que não pode entrar em campo por conta de um acordo feito com a diretoria do ex-clube. O atacante Paolo Guerrero, que voltou a marcar após mais de três meses sem gols, também retomou a vaga no setor ofensivo, e balançou as redes duas vezes nas duas últimas partidas.

Até aqui, o São Paulo acumula um empate sem gols contra o Santos, uma derrota por 2 a 0 para o Palmeiras e a vitória por 3 a 2 sobre o Corinthians nos clássicos deste ano, todos pelo Paulistão. Já o Timão, além da derrota para o Tricolor, foi goleado por 5 a 1 pelo Peixe e ficou no empate por 1 a 1 com o Palmeiras.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*