Lucas e Neres: meia sonha com dupla da base no profissional do São Paulo

O departamento médico do São Paulo apontou a segunda quinzena de fevereiro como prazo de retorno de Lucas Fernandes. Se depender da vontade e ansiedade do garoto de 19 anos, porém, a volta será antes do previsto. Uma das motivações é reviver a dupla com David Neres, que fez sucesso na base, agora no time de cima.

Reeditar a parceria é um sonho dos amigos. Neres defende a seleção brasileira no Sul-Americano sub-20, ao lado de Lyanco e Lucas Perri. Se o Brasil avançar até a final, ele retornará depois do dia 11 de fevereiro, quando Lucas Fernandes já deverá estar recuperado de lesões no ombro e joelho esquerdos.

Lucas viajou com o grupo de Rogério Ceni para os Estados Unidos, onde fez treinos sem contato físico, e se destacou na atividade de finalizações da última quarta. Os quase 20 dias de pré-temporada o ajudaram a readquirir confiança. Agora, ele não vê a hora de tornar real o antigo desejo de brilhar ao lago do amigo no Tricolor.

– Todos sabem que é um sonho nosso de jogar juntos em cima. A ansiedade está batendo. Fico feliz, pois o pior passou, e o sonho está perto de ser realizado – disse, ao GloboEsporte.com.

Lucas Fernandes - São Paulo (Foto: Marcelo Hazan)Lucas Fernandes vê treino com proteção no ombro
(Foto: Marcelo Hazan)

Sem atuar desde o dia 11 de junho, quando enfrentou o Atlético-PR, Lucas Fernandes diz que os piores momentos foram de recuperação dentro do Reffis.

– O pior foi estar lá dentro sem poder sair e de muleta, depois da cirurgia. Achei uma forma de me aproximar, porque ficar trancado no mesmo ambiente é ruim. Preferia ver o treino. É importante saber o que os professores passam, mesmo fora – afirmou.

Prestes a voltar a jogar, Lucas agora vê no elenco outros companheiros de Cotia. Entre os relacionados pelo técnico Rogério Ceni para o Torneio da Flórida, 12 tiveram passagem pela base.

– Fico feliz de Cotia poder abastecer o profissional. Vamos fazer de tudo para ajudar o São Paulo – afirmou.

No total, Lucas tem 13 jogos e um gol pelo profissional. Ele, David Neres e companhia ganharam a Libertadores sub-20, em 2016, além de outros títulos. O meia foi promovido em março.

 

fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*