Leco é pressionado e não descarta romper com organizadas do São Paulo

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, está sendo pressionado por aliados e não descarta romper com as organizadas do clube, principalmente com a Torcida Tricolor Independente, segundo apurou o UOL Esporte. Leco avalia a situação após as cenas de guerra no entorno do Morumbi na derrota para o Atlético Nacional, na quarta-feira, pela semifinal da Copa Libertadores.

Leco tomará uma decisão sobre o tema nos próximos dias. O São Paulo já discute internamente a questão e, pela primeira vez desde o início da gestão, em outubro do ano passado, vê mais benefícios do que prejuízos em romper com a organizadas.

A ideia já estava na cabeça do presidente do São Paulo, e agora virou motivo de pressão de membros da diretoria, conselheiros e torcedores comuns, que pedem para que o clube se distancie institucionalmente da organizadas, vista como quem iniciou os confrontos pouco antes do término da partida de quarta-feira.

Em janeiro, em entrevista à Folha de S. Paulo, Leco admitiu ceder ingressos às organizadas para jogos dentro e fora do Morumbi e também ajuda financeira no carnaval.

Segundo torcedores que estiveram presentes no jogo na quarta-feira, membros de organizadas que estavam do lado de fora do Morumbi hostilizaram torcedores comuns que deixaram o estádio antes do fim da partida. Os relatos dão conta de agressões, tentativas de roubos e até assédio a mulheres. A Polícia Militar interveio com balas de borracha e bombas de efeito moral, e foi atingida com garrafas e outros objetos arremessados, em confronto que foi do portão 5 até o portão 1 do Morumbi. Nove pessoas foram detidas e 12 policiais ficaram feridos, segundo a PM.

Em nota, a Torcida Independente, principal organizada do São Paulo, colocou-se à disposição das autoridades para averiguação da briga na noite de quarta-feira. Segundo o grupo, a Polícia Militar falhou desde a chegada dos torcedores ao estádio.

 

Fonte: Uol

3 comentários em “Leco é pressionado e não descarta romper com organizadas do São Paulo

  1. A constatação é triste, o São Paulo se denegriu. Conselheiros, Presidentes, torcida… não há ninguém de visão, alguém disposto a romper com essa lógica atual. Os conselheiros (maioria) está mais preocupado com cargos e etc.

  2. Se não romper com esses assassinos todas dependentes & dragonetes vamos ST romper nos com o TRIMUNDIAL temos o poder nas maos maior q a direção do clube.

  3. Se não romper com esses assassinos todas dependentes & dragonetes vamos ST romper nos com o TRIMUNDIAL temos o poder nas maos maior q a direção do clube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.