Juvenal diz que Kaká é muito caro para o Brasil

A entrevista de Kaká, dando a entender que poderia deixar o Real Madrid, abriu margens para a especulação de clubes brasileiros que poderiam repatriar o meia. Nesta quinta-feira, a mídia espanhola colocou o Fluminense como um possível interessado, mas o clube negou. Durante o evento de apresentação da nova camisa do São Paulo, foi a vez do presidente da equipe paulista dizer que não tem interesse no jogador.

Juvenal Juvêncio afirmou que trazer de volta o jogador que foi revelado no Morumbi seria muito caro e aproveitou a entrevista para mandar um recado aos clubes cariocas que têm se destacado por pagar altos salários a vários jogadores.

“Vocês não sabem o quanto ele (Kaká) ganha, mas eu sei. Não vou falar, mas posso te dizer que é caro, muito mais do que qualquer um clube pode pagar. Nem aqui no Brasil nem fora alguém vai poder pagar. Os clubes lá na Europa estão quebrando e não querem nem mais pagar os mesmos salários que pagavam para os jogadores que ainda estão sob contrato. Tem um ou outro que contrata por causa de um russo, de um ucraniano… A volta do Kaká é muito difícil, é onerosa, algo que é difícil de acontecer”, disse ele, para depois mandar o aviso aos cariocas.

“Eu, quando converso com jogador, digo logo de cara que não temos dinheiro para pagar o que eles ganhavam na Europa e digo que sei que ele está rico e ofereço os salários do nosso teto. Não posso me vangloriar disso (de ter um teto), mas não pagamos e não pagamos porque não dá. Mais do que não poder é porque não devemos. Estou assustado com alguns clubes brasileiros, sobretudo os do Rio de Janeiro. Não podem pagar isso! Eles vão quebrar! Alguns já quebraram. A Receita já foi lá e até pegou eles. E isso é ruim para o futebol. Vai ter uma sexta-feira 13 que eles vão quebrar. A gente deve ter cautela. O que eu digo é contra a emoção, mas o dirigente precisa pensar na razão”, afirmou o cartola em tom de desabafo.

Juvenal, no entanto, admitiu que o problema financeiro é a única barreira para que Kaká não volte ao Morumbi. Pelo futebol, o jogador teria lugar na equipe presidida por ele. “O Kaká tem espaço no mundo inteiro”, resumiu o dirigente.

 

Fonte: Uol – Foto: Paty Vessoni

Um comentário em “Juvenal diz que Kaká é muito caro para o Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*