Fabuloso está a um gol de se tornar o maior artilheiro do Tricolor em Brasileiros

Luis Fabiano pode entrar para a história no próximo domingo. O atacante está a apenas um gol de se tornar o maior artilheiro do São Paulo em Brasileirões. Depois de marcar em São Januário, na última quarta-feira, ele chegou a 82 na competição, um a menos do que Serginho Chulapa.

– Sem dúvida é uma marca importante, daquelas que entram para a história do clube. Fico feliz por estar próximo desse feito – declarou o atual camisa 9 do clube, ao LANCENET!, por meio de sua assessoria.

E a chance de pelo menos igualar o recorde, estabelecido em 1982 pelo ex-jogador, logo na próxima partida é grande. O adversário é o Figueirense, vice-lanterna, e o confronto acontecerá no Morumbi, palco preferido do goleador.

Na casa do Tricolor, Fabuloso se sente à vontade. Das 27 redes balançadas nesta temporada, 19 foram no Cícero Pompeu de Toledo. Ao todo, já foram 86 no estádio, dos 152 que tem com a camisa do clube.

Como auxílio, o Figueirense tem a pior defesa dos 20 times que disputam a Série A. Foram 55 gols sofridos em 29 jogos.

Artilheiro deste Brasileirão com 14 gols, Luis Fabiano mostrou contra o Vasco uma característica pouco usada por ele: o chute de fora da área. Nesta temporada, com exceção do gol de falta marcado contra o Bragantino no Paulistão, o jogador ainda não havia feito em finalização de uma distância mais longa. Os outros 25 saíram de conclusões de dentro da área.

A proximidade de bater um recorde que pertence a Serginho Chulapa logo faz lembrar a possibilidade de se tornar o maior artilheiro da história do clube, feito que também pertence ao goleador da década de 70. Mas essa distância é bem maior. Enquanto o ex-jogador tem 242 gols, Fabuloso fez 152 e ocupa a sétima colocação.

– Ainda é muito cedo para pensar nisso. Ainda faltam 90 gols, que é muita coisa – pondera o camisa 9.

Desde sua primeira entrevista nessa nova passagem pelo clube do Morumbi, Luis Fabiano afirma que ser artilheiro não é o grande objetivo dele. O atacante não se cansa de dizer que voltou ao Tricolor para conquistar o que não conseguiu antes: títulos de expressão (ganhou o Rio-São Paulo de 2001). Enquanto as taças não chegam, Fabuloso entra para a história com seus gols.

Caso mantenha a média de frequência em que foi a campo e a média de gols por partida quando atuou em 2012, Luis Fabiano chegará à terceira posição no ranking da artilharia de todos os tempos do São Paulo.

Nesta temporada, o camisa 9 jogou 53% das partidas até agora (33 jogos), e tem a média de 0,8 gol por jogo (27 gols no total). Mantendo esta projeção, ele atuará em pelo menos oito das 16 partidas que o clube fará caso chegue à final da Sul-Americana, e marcará mais seis gols. Chegaria a 158, no total.

Luis Fabiano tem contrato até março de 2015, e chegará a 224 gols no fim de 2014 caso atue nas duas próximas temporadas com a mesma frequência de jogos e a mesma média de gols. O número lhe daria a terceira posição no ranking da história, atrás só de Chulapa e Gino Orlando.

Fonte: Lance

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*