Corinthians e São Paulo fazem primeiro Majestoso da história da Libertadores

O estádio de Itaquera receberá na noite desta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), o primeiro jogo entre Corinthians e São Paulo na história da Copa Libertadores da América. O confronto inédito do torneio continental dará sequência à campanha do time de Tite nesta edição e tem o peso de estreia para o Tricolor.

Depois de ter passado até com facilidade pelo colombiano Once Caldas na fase preliminar da competição, o Alvinegro se classificou para o grupo 2, que tem justamente o rival, além do atual campeão San Lorenzo, da Argentina, e o Danubio, do Uruguai. A dificuldade da chave aumenta a responsabilidade para os dois times neste compromisso.

“O grupo é difícil, e nós sabíamos desse grau de dificuldade enorme em buscar uma classificação”, afirmou o técnico corintiano, que completou. “Vou tentar resumir: dois campeões mundiais. Isso é muito orgulho para as duas equipes, para as duas torcidas. Que seja um espetáculo dentro de campo”.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Equipe de Tite se classificou para o grupo do São Paulo depois de ter eliminado o Once Caldas

O meia Danilo, que já venceu o torneio pelos dois rivais, reforçou o discurso do treinador. “Não podemos perder pontos para concorrentes diretos. Libertadores é assim. Para chegar, temos de fazer resultado em casa e não ser derrotados fora. Vamos atacar sem perder a cautela atrás, para não tomarmos gol. É um clássico contra uma equipe de qualidade, e precisamos continuar com os pés no chão”.

Apesar de visitante, o São Paulo não tem pressão menor para enfrentar o rival. Assim como Tite, Muricy Ramalho também sabe da necessidade de uma boa atuação. “A partida é importante não só para essa competição, mas sim para o ano todo. É a Libertadores mais difícil de todos os tempos, principalmente no nosso grupo”, declarou.

Os dois times chegarão ao Majestoso animados pelo que fizeram até agora em 2015, já que ambos só foram derrotados em amistosos da pré-temporada. Depois de ter perdido para o alemão Colônia, nos Estados Unidos, o Alvinegro venceu ainda durante a excursão o Bayer Leverkusen, do mesmo país. Em seguida, triunfou em seus três jogos do Campeonato Paulista e acumulou uma vitória e um empate na Libertadores.

Já o São Paulo perdeu para o Flamengo na pré-temporada e venceu o Vasco. No Estadual, são quatro resultados positivos e um empate. Confiante pela boa fase, o presidente Carlos Miguel Aidar até disse na véspera do confronto que o seu time é favorito, mas o elenco tem muito mais cuidado.

O volante Souza deu a amostra da cautela do grupo. “As duas equipes chegam iguais. Fator campo faz diferença, e, se fosse no Morumbi, chamaria nosso torcedor. Mas não há favorito. São equipes com nível muito bom. Precisamos de sabedoria e inteligência para controlar o jogo e sair de lá com ponto. A vitória interessa muito mais”, declarou.

O Tricolor vai a Itaquera com mistério total na escalação, já que Muricy Ramalho fechou os treinos de segunda e terça. Os desfalques certos são o lateral esquerdo Carlinhos, lesionado, o atacante Alexandre Pato, por questões contratuais, e o meia-atacante argentino Centurión, suspenso por expulsão na época em que defendia o Racing.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Muricy Ramalho fechou dois treinos e não revelou escalação para o clássico em Itaquera

Na lateral, Reinaldo seguirá com a vaga. Já para a linha de ataque, o único nome certo é Luis Fabiano. O treinador pode colocar também Alan Kardec no auxílio ao camisa 9, mas existe ainda a chance de deixar fora o segundo atacante e ser mais cauteloso com Maicon ou Thiago Mendes, além de já ter Denilson e Souza como volantes.

No Corinthians, Tite não fez suspense em relação ao substituto Paolo Guerrero, punido pela Conmebol por conta da expulsão no primeiro jogo contra o Once Caldas. Diante do time colombiano, quem desempenhou a função de referência na frente foi o meia Danilo, que, mesmo improvisado, teve um bom desempenho. Por isso, o ex-são-paulino foi escolhido para ser titular novamente, desbancando o recém-chegado atacante Vagner Love para o banco de reservas.

O restante da equipe também está confirmado. O meia Jadson fará o seu primeiro jogo pelo Corinthians contra o São Paulo. Apesar de Pato ainda não poder encarar o time de Parque São Jorge, o armador já está liberado para o Majestoso, no qual o Alvinegro defende uma invencibilidade. Desde que inaugurou seu estádio, o Timão não perdeu clássicos no local, triunfando contra Santos, Palmeiras e o próprio São Paulo em 2014.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X SÃO PAULO

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 18 de fevereiro de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (Fifa-SE) e Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Fábio Santos; Ralf, Elias, Jadson, Renato Augusto e Emerson; Danilo
Técnico: Tite

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Dória e Reinaldo; Denilson, Souza, Michel Bastos e Ganso; Alan Kardec (Maicon ou Thiago Mendes) e Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho

 

Fonte: GAzeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*