Contra Atlético-MG, São Paulo tenta manter vivo sonho de título

Sete – e não mais dez – pontos abaixo do líder Cruzeiro, o São Paulo se reanimou a disputar o título depois de duas vitórias seguidas no Campeonato Brasileiro. Para manter vivo o sonho, o time agora precisa superar outro concorrente direto a partir de 16 horas (de Brasília) deste domingo, quando visita o Atlético-MG, no Independência.

O estádio não traz boas recordações ao time paulista, que lá foi eliminado pelo adversário nas oitavas de final da Copa Libertadores do ano passado, com uma goleada por 4 a 1. A rivalidade do confronto, a propósito, cresceu bastante por conta dos quatro duelos disputados entre as equipes no torneio sul-americano, que mais tarde acabou sendo vencido pelos mineiros.

O então presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, chamou o local de “arapuca”, pelas supostas condições ruins que ele oferecia aos visitantes. Na primeira e até agora única partida disputada lá depois disso, pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro de 2013, o placar não saiu do zero. Desta vez, um empate não serve para nenhum dos lados.

“O Atlético tem uma equipe muito rápida. A gente tem que tomar muito cuidado lá atrás, mas, se defendermos bem, na frente temos jogadores de qualidade para definir o jogo”, espera o lateral esquerdo Reinaldo, um dos jogadores com chance de ganhar vaga diante da grande quantidade de desfalques para o técnico Muricy Ramalho.

Ao todo, a lista pode chegar a nove baixas. São elas três zagueiros (Rodrigo Caio, Paulo Miranda e Rafael Toloi), um lateral esquerdo (Álvaro Pereira), um volante (Souza), dois meias (Kaká e Paulo Henrique Ganso) e um atacante (Ademilson). O zagueiro Lucão, recuperado de trauma no quadril, deve viajar para ficar no banco de reservas.

Diante destes problemas, Muricy Ramalho ao menos recebeu uma boa notícia na noite de sexta-feira. O departamento jurídico do São Paulo conseguiu um efeito suspensivo para Michel Bastos junto ao STJD e liberou o jogador para o duelo. Desta forma, o comandante tricolor deve contar com o atleta para a armação, desfalcada de Ganso e Kaká.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Levir Culpi e Muricy Ramalho voltam a se enfrentar depois da vitória são-paulina no primeiro turno do Brasileiro

Para o Atlético-MG, que perdeu vaga no G-4 pelo empate com o Fluminense, o duelo conta com um ingrediente a mais. Se vencer, pode voltar à zona de classificação para a Libertadores, mas se perder poderá contribuir para que o São Paulo se aproxime do Cruzeiro, seu arquirrival e que lidera a competição. O lateral direito Marcos Rocha rechaça qualquer tipo de facilitação.

“Sem chance. Será na nossa casa. Tem a nossa invencibilidade dentro do Independência, com o apoio da nossa torcida. Sem essa de entrar com corpo mole contra o São Paulo para atrapalhar para o Cruzeiro. A gente precisa do resultado”, falou.

Se o vice-líder (com 49 pontos, sete abaixo do Cruzeiro) tem desfalques, a equipe mineira (sexta colocada, com 44 pontos) também enfrenta problemas. O técnico Levir Culpi segue sem peças como Tardelli, Douglas Costa, ambos na Seleção Brasileira, e também Leonardo Silva e Maicosuel, lesionados. Por isso, a expectativa é de um confronto equilibrado no Horto.

“O São Paulo tem oscilado bastante, mas já tem duas vitórias em sequência no Campeonato. Temos que estudar bastante, porque o São Paulo, mesmo com uma equipe muito desfalcada, continua sendo muito perigosa”, analisou o goleiro Victor.

Arte GE.Net

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-MG X SÃO PAULO

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)
Data: 12 de outubro de 2014, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Marielson Alves Silva (BA)
Assistentes: Luiz Carlos Silva Teixeira (BA) e Adson Marcio Lopes Leal (BA)

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Jemerson, Edcarlos e Alex Silva; Josué (Luan), Leandro Donizete, Dátolo e Guilherme; Carlos e Jô
Técnico: Levir Culpi

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Hudson, Antônio Carlos, Edson Silva e Reinaldo; Denilson, Maicon e Michel Bastos; Alexandre Pato, Osvaldo e Alan Kardec (Luis Fabiano)
Técnico: Muricy Ramalho

 

Fonte: Gazeta  Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*