Como se fosse 2003… San-São reúne cinco veteranos após 12 temporadas

Renato, Robinho e Ricardo Oliveira de um lado, Rogério Ceni e Luis Fabiano de outro. Podia ser 15 de fevereiro de 2003, mas será nesta quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015, quase 12 anos depois. Com jogadores experientes dos dois lados, Santos e São Paulo se enfrentam pela quarta rodada do Campeonato Paulista, e apesar da presença de jogadores como Geuvânio e Alison de um lado ou Rafael Toloi e Lucão de outro, ambos os times têm médias de idade elevadas: 27,5 para o Peixe e 27,8 para o Tricolor.

Os números se devem à ação das equipes na janela de transferências: enquanto o Santos repatriou com nomes como Elano (33) e Ricardo Oliveira (34), o São Paulo reforçou suas laterais com jogadores mais experientes, como Bruno (29) e Carlinhos (28), além de outros que seguiram no clube, como Rogério Ceni (42), Luis Fabiano (34) e Michel Bastos (31). Com Elano no banco, a coincidência com o duelo de 2003 é evidente: dos 22 jogadores em campo, cinco disputaram o Paulistão de 12 anos atrás. Especificamente, a vitória do São Paulo por 2 a 1, na Vila Belmiro.

Das escalações daquele San-São, além dos cinco que estarão em campo nesta quarta-feira, outros seis já penduraram as chuteiras: Julio Sérgio, Léo e Fabiano, do lado do Santos, Gustavo Nery, Régis e Ricardinho, pelo São Paulo. Julio Sérgio, Régis e Ricardinho, aliás, já são treinadores – o meia, que ainda defenderia o Santos pouco tempo depois, dirige o Santa Cruz no Campeonato Pernambucano de 2015.

Há a possibilidade de o San-São desta quarta-feira ser o último de alguns desses personagens no Campeonato Paulista. Robinho e Ricardo Oliveira, pelo Santos, tem contrato só até o meio do ano, e suas permanências serão discutidas mais para frente. Do lado do Tricolor, Rogério Ceni e Luis Fabiano têm vínculos até o fim de 2015: o goleiro já adiou duas vezes a aposentadoria e o atacante já tem falado publicamente sobre sua intenção de renovar. Tudo, entretanto, só será discutido adiante.

Coincidentemente, o compromisso de 2003 que reuniu cinco jogadores que estarão em campo em 2015 foi a última vitória do São Paulo na Vila Belmiro, pelo Campeonato Paulista.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 1 x 2 SÃO PAULO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data/Hora: 15/2/2003, às 18h
Árbitro: Paulo César de Oliveira

GOLS: Gustavo Nery (0-1, aos 29/1ºT), Ricardo Oliveira (1-1, aos 41/1ºT) e Luis Fabiano (1-2, aos 37/2ºT).

SANTOS: Júlio Sérgio, Michel (Willian), Alex, André Luis e Léo; Paulo Almeida, Renato, Fabiano (Alexandre) e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão.

SÃO PAULO: Rogério Ceni, Leonardo Moura (Gabriel), Jean, Régis e Gustavo Nery; Maldonado, Fábio Simplício (Adriano), Ricardinho e Kaká; Reinaldo (Itamar) e Luis Fabiano. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*