Com o que gasta com “renegados”, São Paulo poderia bancar reforço de peso

O São Paulo já admite a dificuldade em contratar um nome de peso para substituir Kaká, e pode até desistir de fazê-lo. O motivo é, principalmente, financeiro: os craques, em geral, ganham salários considerados fora da realidade do futebol brasileiro. Com o que gasta pagando jogadores que estão afastados, emprestados ou fora dos planos, porém, o clube poderia trazer um craque.

Terminado o ano, Carleto e Cortez, que estavam emprestados, retornam ao Morumbi. Os argentinos Clemente Rodriguez e Marcelo Cañete continuam treinando separado do elenco, fora dos planos de Muricy Ramalho. Luis Ricardo, com a contratação de Bruno, ex-Fluminense, perdeu espaço e não será aproveitado.

Juntos, os cinco “renegados” custam cerca de R$ 700 mil mensais ao São Paulo – suficiente para tentar, e possivelmente contratar um grande jogador para substituir Kaká. Conca, do Fluminense, que já foi alvo são paulino tem salários nessa faixa, considerados entre os mais altos do futebol brasileiro.

O clube paulista está tentando negociar os jogadores encostados: Cortez tem o maior salário – foi tirado do Botafogo com status de seleção brasileira. O lateral chegou a ser emprestado ao Benfica, mas não se firmou. Depois, defendeu o Criciúma, mas não consegue repetir o futebol que o fez vestir a amarelinha.

Carleto, outro lateral esquerdo, foi emprestado à Ponte Preta, mas acabou devolvido. Os dois estão na lista de transferíveis e devem sair caso chegue proposta. Uma dispensa, porém, sairia caro: Cortez tem contrato até o fim de 2015; o de Carleto só termina em 2016 (o vínculo foi renovado em uma boa fase do jogador em 2013). Juntos, os dois alas ganham cerca de R$ 310 mil mensais.

A situação dos argentinos Clemente e Cañete é ainda pior: os dois passaram parte do ano treinando em Cotia, separados do restante do elenco. O lateral-esquerdo jogou apenas três partidas, e tem contrato até o meio do ano que vem. O meia teve problemas com lesões e dificuldades para eentrar em forma; seu contrato, porém, foi renovado até 2016. Juntos, custam ao clube cerca de R$ 300 mil mensais.

Luis Ricardo foi contratado da Portuguesa para resolver os problemas na lateral direita. Hoje, entretanto, é a última opção de Muricy para a posição – o técnico pediu a contratação de Bruno, e prefere utilizar o volante Hudson, o zagueiro Paulo Miranda ou o jovem Auro no setor. Com isso, o jogador já foi avisado pela diretoria que sua saída será facilitada caso chegue uma proposta.

Enquanto isso, o São Paulo já fechou os reforços contratados do mercado nacional. Novas caras virão só do exterior, segundo o vice-presidente Ataíde Gil Guerreiro. Para que uma delas tenha o peso de um Kaká, o clube tem um caminho para seguir: conseguir negociar os seus “renegados”.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

5 comentários em “Com o que gasta com “renegados”, São Paulo poderia bancar reforço de peso

  1. o Canete não se firmou nem na Portuguesa !! era uma promessa, mas … o Luiz Ricardo foi o melhor lateral de 2013, o Clemente veio de graça e todos achavam que daria certo, pela sua experiencia, o Cortes chegou a ser convocado para seleção, NESTES CASOS NÃO VEJO CULPA NENHUMA NAS CONTRATAÇÕES DELES, OS CARAS NÃO TEM BOLA DE CRISTAL, e quando contratos, tinham tudo pra dar certo, mas …. FIM DE ANO E CHATO, NÃO TEM MATERIA E ESCREVEM DE TUDO !!!

  2. Respeito a opinião de todos, mas gostaria de lembrar que o Cañete, emprestado pelo SP ao Náutico, time que disputou para não cair para a série C, não conseguiu ser titular daquele time. Acompanhei o final do campeonato da série B e via ele entrando no decorrer das partidas e, o que é pior, não jogar nadinha.
    Acredito que é o fim de sua carreira; a menos que ele esteja com algum grande problema extra-campo que o esteja atrapalhando, caso contrário, melhor “pendurar ” as botinas…

  3. É triste vê um jogador como o Cañete não dar certo no nosso Tri-Hexa, é um ótimo jogador cairia muito bem ao lado do maestro. Essa diretoria só faz lambança, é incapaz de dar uma sequência para o jogador se firmar, pois sem sequência não tem jogador que se encaixa em esquema nenhum. Não precisa ir atrás de meia precisamos sim, é de ZAGUEIROS!!! DAR UMA UNICA CHANCE AO ARGENTINO Cañete, mas com “Sequência” não precisa inventar muito… com essa dupla Ganso & Cañete !!!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.