Com Jucilei e Pratto, time do São Paulo ganha mais ‘cara’ de Ceni

As chegadas do volante Jucilei e do atacante Lucas Pratto, anunciadas na semana passada, deixam o São Paulo convicto de que o time mudou de patamar. Além de serem dois jogadores considerados de alto nível, suas posições e características atendem necessidades apontadas pelo técnico Rogério Ceni durante o planejamento. Em outras palavras, a dupla promete deixar o time mais com com a “cara de Ceni”.

Quando sentou com a diretoria para falar sobre reforços para 2017, Rogério falou da urgência por um camisa 9 de respeito e de um primeiro volante. De preferência, ambos deveriam ter boa estatura, para melhorar a média do time, considerada baixada pelo treinador. Na mosca: Jucilei tem 1,86m de altura, e Pratto, 1,88m.

Ceni entende que o São Paulo precisa ter um time mais alto para ser mais competitivo. Em seu modo de pensar as bolas paradas, decisivas segundo ele, o time precisa ter pelo menos quatro ou cinco jogadores com boa estatura e bom de cabeça, seja na parte defensiva ou ofensiva. Pratto é um especialista em bolas aéreas, enquanto Jucilei vai bem no fundamento.

O treinador ainda não pode ensaiar uma formação com os reforços, que por razões diferentes não poderão estrear nesta quarta-feira no clássico contra o Santos. Mas, em tese, Jucilei briga por vaga com João Schmidt e Pratto, com Gilberto. Com relação ao time do último domingo, que goleou a Ponte Preta por 5 a 2, se fossem feitas essas duas alterações, com as entradas do reforços, a média de altura do Tricolor passaria de 1,80m para 1,81m. O ganho parece pequeno, mas são mais dois jogadores com força pelo alto.

Rogério Ceni está feliz com os dois reforços e não é para menos. Pratto, principalmente. Em 2015, no último ano da carreira do ex-goleiro, o argentino marcou três gols contra o São Paulo na vitória do Atlético-MG por 3 a 2 no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. Foi um carrasco. Ano passado, voltou a marcar agora no Morumbi. Chega para ser o homem gol, embora Gilberto viva ótima fase, com quatro gols nos dois últimos jogos, e Chavez já tenha marcado duas vezes este ano.

Na análise de Ceni e da diretoria, o elenco está praticamente fechado. O treinador ainda gostaria de mais um jogador com características para jogar pelos lados, após a saída de David Neres, vendido ao Ajax (HOL). É possível que o clube faça esforço para atender ao desejo do treinador, mas a situação já não é mais considerada de emergência.

– O São Paulo nunca está fechado. Não existe nada programado agora. Mas, a possibilidade sempre existe – afirmou o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva.

O “novo” time de Ceni agora custa mais caro, do que os R$ 300 mil investidos no goleiro Sidão, e ressaltados pelo treinador no início do ano. Só com Pratto, foram gastos cerca de R$ 22 milhões. A responsabilidade aumenta. Mas o potencial também.

 

Fonte: Lance

3 comentários em “Com Jucilei e Pratto, time do São Paulo ganha mais ‘cara’ de Ceni

  1. Sidão bufarrini Maicon Rodrigo Caio junior Tavares Jucilei Tiago Mendes Wellington nem Cuevas Chaves Prato 4231,” chaves jogaria aberto se tiver mal colocaria o Luiz Araújo

  2. Time para ser campeão

    RENAN (Lamento mas esse SIDAO não me convenceu ainda)
    MAYCON – LYANCO (LUGANO) – RODRIGO CAIO
    JUCILEI – CICERO (THIAGO MENDES)
    LUCAS F. – SHAYLON – CUEVA
    CHAVEZ (LUIZ EDUARDO) – PRATTO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*