Com Dino Sani, Tricolor inicia série de homenagens aos campeões mundiais

Nesta sexta-feira, o São Paulo deu início à série de homenagens aos ex-atletas tricolores que foram campeões mundiais pela Seleção Brasileira. O escolhido para a cerimônia inaugural foi o volante Dino Sani, que participou da conquista histórica de 1958, na Suécia. O jogador, que também brilhou com as camisas de Boca Juniors-ARG e Milan-ITA, participou de um almoço com o presidente Carlos Miguel Aidar, que lhe rasgou elogios.

“É uma honra receber grandes jogadores do São Paulo, como Dino Sani, e uma obrigação do clube homenagear essas lendas em vida. Dino participou de 324 partidas pelo Tricolor, marcando 113 gols, faz parte da história vitoriosa deste clube. Farei esse almoço uma vez por mês, sempre homenageando um campeão mundial são-paulino”, detalhou Aidar, projetando o sucesso da iniciativa.

Dino Sani começou sua carreira no futebol como meia, militando no setor de articulação. Entretanto, sob o comando de Béla Guttmann, técnico húngaro de origem judaica, encontrou sua posição ideal: a de médio-volante. Exímio cobrador de faltas, o jogador foi um dos destaques da década de 1950, sendo campeão paulista pela formação do Morumbi.

Também marcaram presença no almoço José Augusto Bastos Neto, presidente do Conselho Consultivo são-paulino, e os ex-presidentes tricolores José Douglas Dallora, Fernando Pinto Casal de Rey e Paulo Amaral.

Acervo/Gazeta Press

Dino Sani foi o escolhido pelo São Paulo para inaugurar a série de homenagens aos campeões mundiais
Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Com Dino Sani, Tricolor inicia série de homenagens aos campeões mundiais

  1. Muito elegante por parte do SPFC; muito merecido começar com o Dino Sani! É bom ter nossa história presente para, quem sabe, inspirar nossos “come e dorme” atuais…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*