Ceni diz que Van Persie seria bem-vindo, mas aposta em Chávez e Gilberto

Rogério Ceni sabe que precisa de um centroavante para completar esse seu elenco. Empresários  chegaram a oferecer para o Tricolor jogadores renomados mas sem tanto espaço na Europa, como Van Persie e Adebayor. O treinador disse que receberia bem esses atletas, mas não acredita nestas contrações.

“A não ser Van Persie, que li, os outros eu desconheço. As informações que eu tenho é de que temos problemas financeiros e jogadores desse porte têm altos custos anuais. Claro que se a diretoria for trazer jogadores com essa qualidade, independentemente da nacionalidade, será bom. O único nome que trabalhei foi o Colmán, que acabou indo para o Dallas. Esse participei, os outros não”, afirmou Rogério Ceni.

Exatamente por conta dessa dificuldade para encontrar um jogador no mercado, o ex-goleiro aposta em Chávez e Gilberto, que integram o elenco deste a última temporada.

“Tenho dois nomes, apesar do Chávez gostar de jogar mais pelo lado esquerdo, e o Gilberto, que fez com na última rodada do Brasileiro. Os dois têm fome de jogo, estão mostrando desejo de jogar. Vamos começar o campeonato dessa maneira e vamos analisando com o tempo”, completou o treinador.

Chávez, no entanto, tem vínculo com o São Paulo só até o dia 30 de junho e está na mira do futebol chinês. O ex-goleiro, porém, acredita na permanência do argentino no elenco. “Ele tem contrato de empréstimo até o meio do ano, acredito que vai cumprir. Não vejo esse risco”, disse Ceni.

Por outro lado, o treinador sabe que pode perder Luiz Araújo para o Lille, da França. O clube pretende oferecer 6,5 milhões de euros (R$ 22 milhões) para contratá-lo. Mas o São Paulo não deve liberá-lo por esse valor.

“Com o Araújo conversei, chegou uma proposta concreta para ele. Gosto muio dele, acho que tem potencial para valer o dobro. Mas é a minha opinião. O clube tem suas necessidades financeiras. Gostaria de opções para ganhar títulos. Vamos sentar e conversar. Sempre impera a posição do presidente, que toma a decisão final. Minha função é treinar o time. Tenho quatro de lado: Araújo, Neres, Nem e Neilton. Esses quatro de lado seria o ideal, mas tem a situação do clube, que é difícil. A última palavra é do presidente pra vender. Eu dou opinião e ele decide”, completou Rogério Ceni.

Um comentário em “Ceni diz que Van Persie seria bem-vindo, mas aposta em Chávez e Gilberto

  1. Centurion está arrebentando no Boca!!!!! Já está valendo uma nota !
    Propõe aos investidores do Calleri, trocar pau a pau .
    Calleri já está meio queimado na Europa e o Centurion está chegando a fama com tudo !
    Para os investidores e para o São Paulo, seria um ótimo negocio.
    Acorda Leco e Pinoti !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Maruju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*