Bauza escala São Paulo com Wesley e Centurión para tentar “milagre” da final

Denis, Bruno, Lugano, Rodrigo Caio e Mena; Hudson, Thiago Mendes, Wesley, Centurión e Michel Bastos; Calleri.

Foi esse time que Edgardo Bauza treinou, em grande parte do tempo com portas fechadas, e que começará jogando a semifinal da Libertadores, entre São Paulo e Atlético Nacional, em Medellín. Pouco depois de os jornalistas terem acesso à atividade, os jogadores já passaram a exercícios mais leves.

Sem Paulo Henrique Ganso, com lesão na coxa direita, o Patón sabe que não tem nenhum outro jogador no elenco que tenha suas características. Então, espera que Centurión,Michel Bastos e Wesley façam uma espécie de “rodízio” na função, em apoio a Calleri.

– O que o Ganso faz ninguém pode fazer. Nessa posição pode começar o Centurión, podemos trocar com Michel Bastos. Não há uma posição fixa de um jogador fixo, a ideia é que jogue um centroavante, o Calleri, e um que fique um pouco mais atrás, para fazer os dois volantes do Nacional se retraírem mais – afirmou o treinador.

Em relação à derrota tricolor na quarta-feira passada por 2 a 0 no Morumbi, Bauza colocou Centurión, cuja suspensão de três jogos terminou na última partida, no lugar de Ytalo. Pelo que foi possível notar, o argentino atuou na função de Paulo Henrique Ganso, centralizado, enquanto Wesley e Michel Bastos foram mantidos abertos pelos lados direito e esquerdo, respectivamente.

– Não vamos mudar agora (o sistema tático). Tampouco o Atlético Nacional vai mudar. O que temos de fazer é uma partida inteligente, sabemos as armas que tem o rival, não podemos sair atrás do gol desde o primeiro minuto – explicou o Patón.

Bauza São Paulo (Foto: Marcelo Hazan)Bauza escalou Centurión e Hudson, e manteve estrutura tática do São Paulo para a semifinal (Foto: Marcelo Hazan)

Outra mudança foi a volta de Hudson na vaga de João Schmidt, que voltou a sentir dores na coxa direita e chegou a chorar no treino. Depois, foi consolado por Michel Bastos. Atrás, Lugano é mesmo o substituto de Maicon, como já havia sido anunciado previamente pelo treinador.

Bauza deu ênfase ao treino de bolas paradas, com Centurión e Michel Bastos, principalmente, nas cobranças. Para se classificar em 90 minutos, o São Paulo precisa vencer por três ou mais gols de diferença, ou então vantagem de dois gols a partir de 3×1. Se ganhar de 2 a 0, a decisão da vaga na final será nas cobranças de pênaltis.

Lugano São Paulo (Foto: Marcelo Prado)Lugano, com proteção na perna direita, conversa com Edgardo Bauza depois do último treino (Foto: Marcelo Prado)

Veja abaixo os outros trechos mais importantes da entrevista de Bauza:

POSTURA

– Não temos apenas que fazer gols, isso é importante, mas temos de fazer um jogo inteligente. Vamos arriscar em alguns momentos, mas o Nacional é um adversário perigoso, principalmente quando tem a bola. A ideia é ser compacto, defender e atacar com os 11.

JOÃO SCHMIDT

– É uma pena, está com dor muscular e, talvez, eu não consiga levá-lo ao banco de reservas. É uma pena, vamos tratar ao longo da noite, mas são situações que não temos como controlar.

ALAN KARDEC

– Ele fez dois gols na última partida, graças a Deus, mas não foram apenas os gols (ressaltando a boa atuação do atacante, que começará no banco).

OPÇÃO MAIS OFENSIVA

– Tenho, tenho, em algum momento poderemos colocá-la em campo.

 

Fonte: Globo Esporte

Nota do PP: desculpem, tenho muita fé e esperança e acredito em milagres, mas com Centurion armando o time e Wesley como ponta, a fé e o milagre tem que ser duplicados. Afinal, para que um time ofensivo se só precisamos marcar três gols para nos classificarmos?

13 comentários em “Bauza escala São Paulo com Wesley e Centurión para tentar “milagre” da final

  1. PERGUNTA OS torcedores do soberano antes do jogo

    Quem acredita na classificação diga ( #SIM )

    Quem na acredita na classificação diga (# NÃO )

    O Beto diz : #SIM

    PRA SEMPRE SOBERANO

  2. Hoje é dia do soberano mostrar porque é chamando de soberano

    Um gol em cada tempo do jogo e vamos para os pênaltis, por incrível que pareça temos mais chance hoje de chegar a final do que se tivéssemos ganho o jogo no Morumbi

    BAUZA , siga as dicas

    1) O jogo será decidido no meio campo,ou seja domine essa parte do campo e ganharemos o jogo , ataque em bloco compactado

    2) A zaga deles e muito ruim se apertar eles entregam o ouro

    3) Marque o lado direito deles

    Vamos soberano clube da fé !

    Pra sempre soberano

  3. É amigos……
    estamos bem!
    começamos o jogo com 8 jogadores, já que uesleiiii, centurioaum e denis o mão-de-alface não contam.
    Se um dos oitos for expulso, pode parar o jogo por falta de jogador

  4. Sera q foi o tecnico que nos levou até a semi-final mesmo, ou foi a torcida ?
    É dificil acreditar quando o time não esta completo, ja que o tecnico não sabe mexer.

  5. é agora não basta um milagre com centurion, e principalmente wesley precisamos de mais dois milagres, Paton caiu mto no meu conceito depois de insistir no wesley de ponta direita, até o carlinhos com Osório foi melhor por ali, sem contar q o Luiz araujo jogou mto mais em um jogo do que wesley e centurion quase q a temporada toda,, é jovem é mas agora tem q arriscar algo diferente se jogar igual jogou no morumbi já era…

  6. Olha, vai gostar de jogador ruim assim lá na argentina, nunca vi um técnico gostar tanto de perna de pau, Centúrion armando, Wesley de ponta e um frangueiro no gol, só pode ser palhaçada desse ASNO argentino.

    Espero que a seleção argentina leve essa mula pra lá, e que ele leve essas tranqueiras que ele tanto ama junto.

    Nem vou ver o jogo, perder meu tempo e passar raiva já deu, com essa MULA de técnico é querer demais ganhar do melhor time da libertadores com essa escalação desastrosa.

    Estou avisando, vamos tomar um goleada hoje, parabéns El Burron!!!

  7. Sinceramente nao esperava muito desse treinador, nao sabe escalar direito, alias esse treinador joga muito mas muito com a sorte e isso que estamos tendo ate agora, Nao gostaria do Wesley e nem do Centurion, preferia o Kardec e luiz araujo, e colocaria Lyanco na vaga do Rodrigo Caio que poderia ir para o meio seria mais util e adiantaria o Michel Bastos como meia armador.
    Se tinhamos alguma esperança em ganhar o jogo o Bauza jogou fora, e vai contar com a sorte de novo, sorte do time do Nacional jogar mal e dar tudo errado para eles e dar tudo certo para nos mesmo com esse time limitadissimo.

  8. Concordo com sua Nota tava confiante tb
    Mais quando vi q ele vai escalar Wesley e centurion me deu uma tristeza profunda pois o wesley me desculpe é um jogador até aqui ridículo é o centurion e de ruim a médio na ponta
    Como centroavante foi bem mais pra arma as jogadas ofensivas?
    Como assim esse bauza é muito louco das ideias
    Wesley e centurion só podem ser 2 leões de treino, me pergunto pq esses caras merecem tantas oportunidades se jogam muito abaixo dos companheiros
    Affs não dá pra entender esse planejamento do bauza é já falo hoje q com esses caras começando o jogo ñ vamos levar perigo nenhum ao nosso rival , essa é minha opinião esses cara são fracos com eles não da pra sonhar com gols

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.