Algoz de cariocas, São Paulo tenta sequência de vitórias contra dupla Fla-Flu

A vitória de 2 a 0 sobre o Flamengo, no último domingo, no Maracanã, fez o São Paulo reviver os tempos áureos do técnico Muricy Ramalho no clube e deu confiança para fechar bem a maratona carioca, nesta quarta-feira, contra o Fluminense, no mesmo palco.

Entre 2006 e 2008, período do tricampeonato brasileiro sob o comando do treinador, uma das marcas do São Paulo foi o ótimo retrospecto contra equipes cariocas.

Em 24 duelos contra Botafogo, Flamengo, Fluminense ou Vasco, o Tricolor paulista teve o ótimo aproveitamento de 68,05% dos pontos disputados e só sofreu derrotas para a dupla Fla-Flu. São 14 vitórias, sete empates e só três derrotas.

Nos jogos disputados no Rio de Janeiro, o histórico é igualmente positivo: seis vitórias, quatro empates e apenas duas derrotas.

Curiosamente, o adversário desta quarta foi o que complicou mais a vida de Muricy. O clube pelo qual o técnico foi campeão brasileiro em 2010 venceu o São Paulo duas vezes, perdeu duas e empatou duas.

Em 2008, ano em que o São Paulo conquistou o tri, o Flu não só não perdeu, como fez sofrer. No primeiro turno, vitória por 3 a 1 no Maracanã. No segundo, no Morumbi, o empate por 1 a 1 adiou a festa do título para a última rodada.

A partida, penúltima do campeonato, foi no dia 30 de novembro, no domingo em que Marcelo Portugal Gouvêa, um dos presidentes mais marcantes da história do clube, faleceu. Depois, o Tricolor acabou conquistando o título com a vitória por 1 a 0 Goiás no Distrito Federal e o dedicou ao dirigente.

Para a partida desta quarta, o Fluminense não contará com o artilheiro Fred, que foi expulso no último domingo, contra o Grêmio.

– Ele foi meu jogador e é o centroavante da Copa. Conhece tudo dentro da área. Para o Flu não foi legal, infelizmente – disse Muricy.

Este ano, antes do Flamengo, o Tricolor já tinha batido o Botafogo, na estreia no Nacional, por 3 a 0, no Morumbi. Se continuar assim, a equipe só vai lamentar o fato de o Vasco estar disputando a Série B.


Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*