A hora de Matheus Reis!

Titular diante do Botafogo (1 x 0) na rodada de abertura do Campeonato Brasileiro e com muita personalidade ao entrar no decorrer da emocionante partida com o Atlético-MG (1 x 2), que classificou o Tricolor para a semifinal da Libertadores da América, o jovem Matheus Reis deixou boa impressão e agora vive a expectativa de emplacar a sua primeira sequência sob o comando do técnico Edgardo Bauza. Além das seguras exibições, principalmente contra os mineiros, as ausências dos ‘concorrentes’ Mena e Carlinhos abrem espaço para o lateral-esquerdo.

O chileno seguiu para defender a Seleção Chilena na Copa América Centenário, enquanto o camisa 6 está entregue aos cuidados do Departamento Médico após sofrer uma lesão de grau três no posterior da coxa esquerda. Assim, com tantos ingredientes, o jogador revelado no Centro de Formação de Atletas Laudo Natel, em Cotia, quer aproveitar a oportunidade e mais uma vez dar conta do recado para ganhar espaço com o experiente treinador argentino.

“Acredito que o futebol é oportunidade. Temos que estar preparados sempre, porque quando a chance vem é preciso agarrá-la. Desde o começo da temporada tenho trabalhado firme e sempre estive focado, porque é meu dever ficar preparado e à disposição. O Bauza confiou em mim contra o Botafogo e diante do Atlético-MG. Felizmente consegui ajudar a equipe, e agora estou mais confiante e motivado. Se vier essa sequência, quero agarrar e ajudar no Brasileiro”, afirmou.

Diante dos atleticanos na última quarta-feira (18), para reforçar o setor de marcação pela lateral e ter opção pela ponta esquerda, Patón apostou na entrada do camisa 28. Seguro, Matheus fez bonito e terminou o jogo elogiado. De acordo com o próprio jogador, o período de aprendizado no profissional – foi promovido das categorias de base em 2015 – foi fundamental para garantir esta tranquilidade.

“Sinto que hoje em dia estou mais confiante e maduro. Em 2015, tive algumas oportunidades e uma pequena sequência entre os titulares. Aprendi muito, porque o profissional é mais cadenciado, e creio que este ano estou mais preparado. Quero continuar aprendendo e evoluir cada vez mais. O pessoal da defesa também me ensina bastante, e posso dizer que estou melhor fisicamente e mentalmente. Esta temporada tem tudo para ser ainda melhor”, acrescentou o lateral, que está focado no confronto com o Internacional.

Neste final de semana, no Morumbi, o Tricolor receberá os gaúchos pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. “Será um jogo importante, como todos que temos enfrentado até aqui, mas jogaremos em casa e precisamos aproveitar este fator. Com a força da nossa torcida, que vai nos empurrar mais uma vez, vamos mais confiantes para buscar a vitória”, finalizou o jovem ala são-paulino, de 21 anos, que acumula 18 partidas no profissional: duas em 2016 e 16 em 2015.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.