Rua para os descompromissados. Que fiquem aqueles que honram nossa camisa!

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, a reunião do Conselho Deliberativo, ocorrido na última segunda-feira, não trouxe grandes novidades. Na pauta a apreciação do contrato de patrocínio fechado com o Banco Intermedium e ouvir o relato dos diretores executivos sobre os primeiros dias de trabalho. E tudo transcorreu de maneira muito tranquila.

Chamou a atenção a fala de Vinicius Pinotti, diretor de Futebol. Diga-se de passagem, por mais que tenha havido uma espécie de ‘sabatina’, ele foi apoiado por todos que estavam presentes á reunião. Em determinado momento afirmou que no São Paulo só ficarão jogadores compromissados. Aqueles que não estiverem focado na importância de vestir o nosso manto deverão sair. Diga-se de passagem, ele deixou claro que até o final da janela de transferências para a Europa, outros jogadores ainda poderão bater asas.

Nos bastidores do Conselho, no entanto, por mais que Pinotti não tenha falado em nomes publicamente, ficou claro que os jogadores cem por cento fechados e compromissados com o clube hoje são Rodrigo Caio, Jucilei e Lucas Pratto. E também que os mais ‘descompromissados’ seriam Cueva e Cícero.

Maicon, por exemplo, vinha desagradando a cúpula do Tricolor desde o início da temporada. Bem acima do peso, o jogador vinha causando problemas de comportamento e por isso a diretoria não dificultou sua transferência. Já em relação a Cícero, me parece mais do que óbvio que se é algo que ele não tem é compromisso e respeito com nossa camisa. Já foi assim em sua primeira passagem pelo Morumbi e o fato apenas se repete agora.

Quanto a Cueva a situação é a seguinte: o Esporte Interativo deu uma informação, ontem à noite, de que o Fenerbahçe, da Turquia, teria oferecido 10 milhões de euros (R$ 38 milhões) pelo jogador. A proposta teria sido apresentada logo após a contratação de Maicon. Vale lembrar que o São Paulo pagou R$ 9 milhões pelo peruano, que, de fato, desde que se contundiu no jogo pelas eliminatórias da Copa do Mundo, jogando pelo Perú, nunca mais foi o mesmo. Nos dois últimos jogos teve alguns repentes de bom jogador, mas é muito pouco para quem tem a função de ser o 10 do São Paulo.

Se antes eu seria contra a venda de Cueva, hoje, sabedor dessa situação toda, sou a favor. Aliás, se voltarmos um pouco no tempo – não muito tempo – vamos nos lembrar que aqui mesmo no Tricolornaweb, a voz da torcida era para que se fizesse uma limpeza geral e que os descontentes fossem afastados do grupo. Vendidos ou mandados para Cotia.

Mandar para Cotia significa desvalorizar nosso produto. Vender é o mais digno e rentável. Jogador sem tesão no elenco só dissemina a baixa estima. O São Paulo é muito grande, diria, é gigante mundial para ficar dando guarida e amparo para quem não tem noção do peso desta camisa, que entorta varal.

Muitas vezes criticamos em excesso a diretoria e o técnico Rogério Ceni – que merecem, sim, críticas – pelos resultados, mas nos esquecemos de ver quem está se empenhando e quem está fazendo corpo mole dentro de campo.

Sabedor agora dos fatos de bastidores, começo a rememorar alguns jogos. Por que sempre dizemos que Lucas Pratto e Jucilei foram as grandes contratações do São Paulo? Por que sempre criticamos a falta do que fazer de Cícero, o “fora de forma” de Cueva, a apatia de Thiago Mendes, e assim sucessivamente? A explicação, parece, foi dada.

Se os conselheiros como um todo, inclusive os da oposição, deram um aval à gestão de Pinotti, entendendo que é muito cedo para cobrar resultados, eu vou mais além: apoio, também, mas quero ver fora do São Paulo todos estes que foram identificados como ‘descompromissados’. Eu disse TODOS. Não importa se vamos até o fim do campeonato com Rodrigo Caio, Jucilei, Pratto, Petros, Gomez, Arboleda e todos do Sub 20. Campeões não vamos ser; cair também não cairemos. Então, que se higienize o ambiente da Barra Funda, para começarmos já, a dois dias do final do primeiro semestre, a planejar 2018.

44 comentários em “Rua para os descompromissados. Que fiquem aqueles que honram nossa camisa!

  1. Bom eu acho que existe uma diferença entre o conformista e o otimista. O otimista analisa a situação é a encara de forma positiva mas sempre baseado na realidade. O conformista só aceita tudo que lhe é apresentado. Respeito sua opinião, mas analisar a direção atual como uma nova administração é bastante ingênuo para qualquer um que saiba que esse pessoal está no poder há pelo menos nove anos. O leco então ocupa cargos no alto escalão no São Paulo há tempos, portanto ali nenhum deles pode usar a já manjada desculpa do “isso veio da administração passada”. Vivemos tempos estranhos no Brasil onde a população tem memória curta e ninguém assume responsabilidade pelos seus atos. Futebol realmente não é ciência exata mas você há de convir comigo que tem gente trabalhando com orçamentos bem menores e tendo resultados bastante superiores. Essa desculpa de ciência exata e a mais manjada que existe pra justificar a falta de competência.

  2. Não estou isentando a diretoria, até porque o futebol não é uma ciência exata, pode- se planejar no papel e no campo a resposta é outra.

    O único ponto que divirjo é quanto algumas críticas feitas fora do contexto (e da mesma forma que fazem isso também tenho o direito de discordar) em que tudo o que está sendo feito não tem valor algum, como se um novo projeto começasse diretamente na sua fase de excelência. Se formo julgar os últimos anos a discussão é outra, mas se formos falar do presente, e dessa gestão, alguns pontos devem ser observados.
    Desconsideram-se muitas coisas como a valorização de Cotia, os pagamentos em dia, abatimento da dívida, captação de patrocínio (com o país numa recessão violenta), tudo por conta da falta de mais 9 pontos na tabela. Entendo que a mídia esportiva sensacionalista tem uma parte dessa culpa ao externalizar e influenciar o torcedor que o clube está beira do apocalipse com apenas 10 partidas disputadas. Acho cedo demais para um julgamento de um trabalho com tantos acontecimentos em seu início.
    Por isso mesmo sempre insisto na imagem do copo pela metade, eu pessoalmente aposto que a tendência é vê-lo se completar e não secar.

  3. Thal Calo a meu ver a maioria dos problemas que você ressalta tem ligação direta com a atuação da diretoria. Quem é responsável pela formação do elenco e contratações ? Quem é responsável pela prospecção de publicidade ? Quem contrata técnico? Assim fica fácil administrar sem assumir responsabilidade por nada. A dívida é anterior ao Aidar que por sinal foi colocado lá pelo mesmo grupo que está no poder. No Brasil virou moda transferir culpa mesmo tendo participação direta vide lula, temer, Dilma e etc. Se formos nos pautar pela atuação medíocre da maioria dos times ok, estamos na média mas o São Paulo que eu torço tem que ser exceção e será cobrado por isso.

  4. Não estou aqui advogando em favor da diretoria, mas vi muitos plantarem algumas notícias e julgar alguns fatos fora da luz da razão.

    A diretoria tem sua parcela de culpa mas não é esse caos que “alguns” ficam alardeando, o time está mal por várias razões, a inexperiência de nosso técnico é apenas uma parte dela, a necessidade de receita, contratação de jogadores que não fizeram jus ao nome, o assédio ao elenco por clubes estrangeiros e a consequente rotatividade completam esse mosaico.

    Outra coisa que ficam pregando é sobre o aumento da dívida do clube, principalmente em 2016, mas parece que muitos não lembram as dificuldades por conta de patrocínio e outras fontes de renda, o tremendo abacaxi deixado por Aidar.
    Estive analisando e o aumento de 46 milhões não tem nada que não seja justificado. O SPFC está num segundo bloco dos times devedores junto com Corinthians, Santos , Cruzeiro e Palmeiras. E segundo algumas pessoas próximas da direção, o montante arrecadado em 2017 com a venda de jogadores, será aplicado 50% no abatimento da dívida financeira e 50% investido no futebol. Isso fatalmente será passível de comprovação através do balancete anual.
    E de uns tempos pra cá tenho vistos uns fakes que só aparece aqui no blog com o intuito de atirar pedras, quando já sabemos que a oposição em vez de ajudar o clube fica tumultuando o ambiente vazando notícias falsas para uma imprensa carniceira.
    O time vai melhorar e vai seguir em frente na busca pela classificação da Libertadores.

  5. Façam um exercício mental e coloquem lado a lado os titulares e mais uns 3 ou 4 reservas dos 20 clubes da série A. Vejam se o elenco do SPaulo è mais “desequilibrado, ruim, ou velho; se em qualidade técnica, jogador por jogador em cada posição, fica abaixo do que mais que 3 ou 4 times entre os vinte (eu, na realidade, penso que apenas 2 times têm melhor elenco). Então pergunto:
    Porque ocupamos uma posição tão baixa e há tanto tempo?
    Que culpa tem a diretoria que tem, sim, contratado bons jogadores mas que, quando por aqui chegam, já chegam pensando em ir para a Europa, porque chegaram numa grande vitrine. Talvez a fama de boas vendas do clube já começa a atrapalhar na largada. Parece, sim, que estamos um clube de passagem para todos que assinam contratos. Grande vitrine para empresários e olheiros. Por isso que sou favorável a que vendam todos que for possível; promovam a garotada multi-campeã do sub 20, e comecemos o ano de 2018 já, para, quem sabe, no ano que vem entrarmos para disputar títulos e não só participar…

  6. Tá tudo errado no São Paulo, 90% dos jogadores contratados até começam bem e repentinamente despencam o rendimento e se tornam descompromissados, então a culpa é do jogador o estranho é que até pouco tempo atrás jogadores da galinhada estavam com 8 meses de atraso dos direitos de imagem, nada justifica descompromisso profissional, mas a diretoria está mostrando mais uma vez seu amadorismo, cadê a gestão roupa suja se lava em casa, cabe a diretoria resolver problemas internos e não jogar a merda no ventilador, se o jogador quer sair, que saia, agora transferir a responsabilidade de uma má gestão de anos de cagadas, daqui a pouco a culpa será do Pratto, mas da diretoria que contrata mal, vende as promessas e põe treinador sem experiência pra comandar o time, não.
    Outra coisa espero ansiosamente pra saber como estão as dívidas do clube, por que com tantas vendas se não diminuir, queremos explicações.

  7. Mas qual é mais fácil? A diretoria fazer a mea culpa? Ou jogar a responsabilidade pro elenco que ela mesma montou, já que a velha fórmula de mandar o treinador embora está fora de cogitação?Ver o Pinotti falar que a administração dele começou agora é igual ver o Temer tentar se desvincular da Dilma. Afinal de contas ele fazia parte da administração mesmo que em outra área, e pelo visto tinha boa influência no futebol haja vista que já até emprestou dinheiro pro clube.

  8. Paulo ninguém está insinuado que é você que está querendo mudar o foco das críticas. Só estamos falando que assim como várias outras pessoas de bem você também está sendo levado a acreditar mais uma vez que nosso problema é esse. Eu não acho que os jogadores tem sangue de barata ou sejam descompromissados, até pelo contrário eu vejo eles correndo muito nos jogos. A maioria dos jogos tem sido perdidos por placares pequenos e com ampla posse de bola. O grande problema é o desequilíbrio do elenco mal montado, o desmanche constante, a falta da gestão de pessoas e algumas vezes até certas escolhas erradas do próprio Rogério.

  9. Concordo plenamente com os leitores Hugo e Murilo.

    E não acredito que Pontes comprou essa história de desmotivados. Todo ano temos desmotivados: Kelvin, Michel Bastos, Hudson… O próprio Lúcio que foi um dos maiores Zagueiros da seleção foi um “desmotivado” no São Paulo.

    O problema são os jogadores? E já temos limpado o time faz 10 anos e nada.

    Pontes, não engula essa história.

    • Acho interessante esse seu posicionamento. Quando o time perde – o que tem acontecido consecutivamente – criticamos o sangue de barata de nossos jogadores. O que é isso, senão “descompromisso”? Quando alguém fala do assunto e eu peço para dispensar os descompromissados, é porque estou querendo mudar o foco das críticas? Por favor, desenhem para mim.

  10. Desculpe mas discordo completamente. Esse papinho de descompromissados é mais uma vez a cortina de fumaça dessa diretoria que está há 9 anos no poder. Tem que ser muito ingênuo ou ter muita boa vontade pra comprar essa história. Cadê a gestão de pessoas no São Paulo? Ser humano não é máquina pra ser descartado ao menor sinal de problema! Todos profissionais passam por fases. As empresas mais modernas prezam por recuperar seus talentos e diminuir a rotatividade, mas nos sabemos bem que sem rotatividade não tem comissão né. Então vamos seguir a mediocridade de nossa direção e vamos mais uma vez usar o mesmo discurso fajuto que já saiu da boca de tantos dirigentes que fracassaram. ( ataide Gil guerreiro) . Faltou só dar um soco na mesa pra completar o teatro.

  11. Discordo um pouco do Clerison. Sim, estão desviando o foco. Talvez para poupar o treinador, mas principalmente tirando o próprio corpo fora. Jogando a batata quente para outro lado. Sacanas. Conseguiram logo de cara o seguinte:
    1 – Jogar a torcida contra o melhor jogador do elenco (Cueva);
    2 – Rachar o grupo ao apontar os mocinhos e os bandidos;
    3 – Criar um fato novo para esquecerem que o Outleco desmanchou o time, que está no bico do corvo;
    4 – Evitar perguntas sobre como o dinheiro novo será aplicado e na conta de quem está caindo;
    5 – Inventar uma desculpa momentânea para acalmar uma torcida que só verá mais 28 jogos até dezembro, a maioria deles ruim, porque fomos eliminados de todas as competições e a chance de Libertadores é ínfima.
    Agora, se perguntem novamente: vocês acham que o problema do São Paulo é mesmo corpo mole?

  12. Eu sinceramente não entendo algumas coisa…

    Cueva Desmotivado????? Antes de ter uma contusão o time jogava como índios ia pra cima e levava uma sacola de gols claro ele não marcava ninguém!!!!!

    Agora recuperado da lesão mudou seu posicionamento e leva tempo pra retomar o ritmo de outrora… agora dizer que ele está descompromissado chega ser RIDÍCULO!!!!!

    O Thiago Mendes antes da chegada do Jucilei era o melhor volante que tínhamos, ai o Digníssimo Treinador resolveu colocá-lo como Meia armador…. Não é possível que ninguém vê como o treinador tem prejudicado o time!!!!!!

    Ano Passado o melhor jogador foi o Cueva no ano Retrasado foi o Thiago Mendes e agora os dois não serve??????

    Estão desviando o foco para o treinador não ser questionado!!!!!!!!!!!

  13. Concordo com o texto mas precisamos repensar muita coisa. A quem favorece movimentar jogadores (empréstimo, compra, venda)? Resposta, empresários que recebem comissão por qualquer movimentação de atletas. Outra coisa, nem vou entrar na parte técnica mas desde a época do Gustavo as negociações de jogadores já eram feitas pelo Alexandre Pássaro daí pergunto: se escolheu jogadores mal caráter, porque continua sendo o responsável desse trabalho de negociação? E o scout dedo podre que só indica jogadores de caráter duvidoso?
    Jogador nenhum trata diretamente sempre tem um representante (poucos por sinal) agora o da vez é o dono da Kalunga, qdo se vai pedir indicação de atleta ninguém pergunta qual o comportamento desses jogadores em relação ao grupo e superiores?
    Enfim, entendo que caráter é difícil saber mas como “erram” nossos gestores hein?
    Ótimo texto. Parabéns

  14. Verdade só pensam em vender e depois trazem um monte de meia boca por isso todo ano estamos mais proximos do Z4 do que dos 5 primeiros.

    Diretoria fraca.

  15. Falou tudo Murilo ta certinho ,esses incompetentes querem jogar a culpa nos jogadores ,e quanto ao Cueva é isso mesml eles querem vender o cara e ficam com essa conversa fiada pois se o Cueva sair não virá ninguem a altura dele e vamos ficar pior do que estamos (si é que isso é possivel),recuperem o cara poe no banco e volte aos poucos que em breve ele voltara a jogar o grande futebol que apresentou ate pouco tempo atras.

  16. Minha indagação vai na linha da já feita pelo Alexandre: por que somente atletas do SP são descompromissados com o clube?
    Por que o jogadores do SP perdem o interesse ao menor sinal de uma mudança?
    Pela lógica, o interesse em desempenhar um bom futebol, com títulos, deveria ser maior.
    Esta tem sido uma tônica nos últimos anos, sempre temos aqueles insatisfeitos que passeiam em campo aguardando uma possibilidade de serem desligados.
    Ao que parece, o SP transformou-se em em casa de passagem, para determinados empresários, um local onde o atleta fica recebendo e treinando aguardando uma melhor oportunidade.
    Houve um tempo em que jogar pelo SP era motivo de orgulho dentro e fora de campo, hoje isto ficou somente no discurso, pois não é o que mostram, coisa que não se percebe em outras agremiações, onde os jogadores lutam por espaço e para permanecerem.
    Espero que isto não tenha nada a ver com a circulação interna junto ao grande número de sócios, dirigentes e até conselheiros não são paulinos, ou será que…

  17. O esporte interativo falou depois do BIÚ

    Vou achar o comentário que eu falo do cueva praticamente vendido

    Partindo de um clube que tem a história que o São Paulo tem se presta a servir de cobaia para algum aprender a ser treinador ,eu não duvido de nada

  18. Concordo 100% Murilo, a finalidade de tornar isso público é transferir a responsabilidade da diretoria para os jogadores perante o grande público, uma vez que o Leco e sua turma estão mal com a torcida.

    Cícero foi contratação bancada pelo Rogério Ceni, todos sabiam que tratava-se de um jogador normal, que ganha muito, e que causou problema no Fluminense.

    Qto a Cueva e Tiago Mendes, cabe ao comando acabar com qualquer insatisfação.

    Ao contrário do que alguns pensam, nem todo mundo é tonto e alienado.

  19. Estranho que só no SPFC se ouve esse papo de “descompromissados”, porque?

    Em outros times, mesmo com salários atrasados os caras comem grama, no Resort SPFC neguinho se faz de morto, o que acorre lá que nada dá certo? Antes o culpado era do Milton Cruz,como diziam, e agora ?
    Algo de podre no reino do Morumbi, algo que deve estar ligado à safados que ganham com venda de jogadores.

    Paulo, concordo que se há descompromissados o SPFC deve baní-los, mas você já chegou a investigar ( como imprensa ) o porque isso ocorre com o SPFC nos últimos anos ? Entra elenco sai elenco e sempre tem esse papo, isso não eh possível.

    • Alexandre, vou dar um palpite: isso ocorre em todos os clubes. Mas talvez só o São Paulo seja acompanhado de perto e por dentro por um site que publica os bastidores, coisa que nenhum outro clube tem. Estou jogando minha modéstia longe nesse momento, mas dói no coração divulgar o que divulgo. Preferiria ficar calado. Talvez a crise do São Paulo não chegasse à torcida.

  20. Diretoria está aí pra cobrar… na hora de contratar e renovar o jogador/empresário enche o saco e aceita multa milionaria pra ganhar 300mil de salário + luvas e etc?

    Agora a diretoria tem que cobrar sim… quer sair? que pague a porra da multa… senão vai pra cotia se foder um pouco pra aprender a ser profissional…

    Se formos vender todo jogador que pede pra sair por proposta melhor sem cobrar a multa não vamos mais montar nenhum time forte…

  21. 1 – Nada mais escroto. Um dia após ser alvo de protestos, a direção começa a queimar jogadores. Covarde. Previsível. Inconsequente.
    2 – Se é verdade que existem descompromissados, que se trate internamente, como aliás foi feito com Maicon.
    3 – No caso de Cueva, custa infinitamente mais barato recuperar o jogador que trazer ou revelar alguém tão bom.
    4 – Reunião de conselho não é lugar para fazer intriga. A discussão tem quer high level. Não é porque o material humano é de péssima qualidade.

  22. Tamo junto nessa… Tem que honrar o manto sagrado!!!

    Tem que trazer nossos ídolos do passado pra conversar com esses jogadores pra eles entenderem a grandeza desse clube e da nossa história…

    Sempre gostei da atitude do Cueva, e não entendo como ele pode ter caído tanto quando acreditei, alem de todos os comentaristas, e torcedores de adversários que poderia ser o craque do brasileiro…

    Mas é melhor ter um jogador comprometido do que um craque que não liga pro time… exemplo?

    Quem é melhor Ganso ou Moises das porcas? Quem foi mais importante pro clube no ano passado?

  23. Que Cícero, Wesley, Maicon, Bruno, etc, não respeitam a camisa, isso não é novidade.

    Fico surpreso com Cueva. Até então, não tinha tido nenhum comportamento nesse sentido. Ok, não tem jogado nada ultimamente, mas ano passado demonstrou atitude, principalmente no caso da invasão.
    Gostaria de acreditar que estão errado quanto a ele.

    Já Rodrigo Caio, que perseguição inútil. O cara é sãopaulino, cria da base, não foge da responsabilidade, da a cara a bater, e ainda vai render muito dinheiro pro clube. Vai ser um dos grandes. E ainda reclamam do cara.

  24. Boa Paulo Pontes:
    Se você lê todos comentários sabe que já há algum tempo defendo, aqui, que o clube deveria vender todos os jogadores de sua “propriedade” e montar um time jovem, baseado no sub20 multi-campeão e nos bons atletas que ficarem, exatamente como seus mesmos. O sub20 dá para se manter na série A do brasileiro; vamos reestruturar a enorme dívida e montar um time para disputar títulos no ano que vem (este já era). O treinador? Não sei. Se não o Rueda, talvez de Rogério Ceni mesmo, só que “enquadrado” e com alteração de seus auxiliares.
    Talvez assim possamos ver o clube renascer…

  25. Paulo Pontes, o São Paulo esta atras desse Aderlan Santos, que é brasileiro e joga no Valencia, deve ser do seu conhecimento que o São Paulo tera o retorno do Hugo Gomes, jogador da base que estava emprestado para um clube espanhol, não é melhor dar chance a esse que ja é do clube do que trazer um cara desconhecido.
    O São Paulo vai disputar a copa paulista pq não testar esse jogador esta copa.

    • Carlos, publiquei a matéria a respeito do Hugo. Claro que concordo com você. Não tenho a menor ideia de que seja esse Aderlan e acho que temos, sim, que dar chance ao Hugo, que vem com experiência internacional.

  26. É evidente que alguns jogadores após ouvir o canto da sereia (ou melhor do empresário) acabam forçando uma situação para que o clube abra negociação visando uma venda futura.
    Entra ano, sai ano e o que nos resta é só brigar para fugir da zona de baixo da tabela, portanto é evidente que os desmotivados devem ser negociados ou encostados.
    Ao que tudo indica quem encabeça essa lista são Thiago Mendes (quer ir para a França), Cueva (depois que recebeu proposta, se arrasta em campo), Cícero (não devia sequer ter sido contratado porque tem o mesmo perfil do Michel Bastos), etc.
    O que mais intriga o torcedor são contratações do tipo Maicosuel que chegou num dia, no outro jogou 45 minutos iniciais de uma partida e nunca mais sequer foi relacionado.
    Resta torcer para que os novos contratados que chegam no final de temporada possam nos ajudar a sair desse buraco sem fim.

  27. 1º – São Paulo não cai.
    2º – Pelo que foi falado está tudo dentro do programado… é fácil fazer uma curva com um barquinho, um transatlântico precisa de tempo e espaço para mudar de direção. 1º ano de Ceni = colocar as contas do clube em ordem e formar um time, 2º ano de Ceni brigar por títulos.
    Que se planeje 2018 e que o São Paulo volte ao seu lugar de destaque!

  28. Vejo que pra alguns jogadores seria o fim da linha Rodrigo Caio,Thiago Mendes,Cícero,Denis,Wesley,Bruno,Buffarini,Cueva,Lucao vendam todos e tragam garotos da base para agregar juventude e jogadores que querem vencer no clube!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*