Vilão corintiano, Edcarlos viveu outras noites de herói no São Paulo

Edcarlos foi o grande personagem da épica virada do Atlético-MG para cima do Corinthians na última quarta-feira. O zagueiro marcou de cabeça aos 42 minutos do segundo tempo e definiu a vitória por 4 a 1 sobre o Timão que selou a classificação do Galo para as semifinais da Copa do Brasil. Mas essa não foi a primeira vez de Edcarlos como herói em mata-matas.

Em 2006, o beque ainda era uma jovem revelação do São Paulo, mas já tinha no currículo os títulos do Campeonato Paulista da Copa Libertadores da América e do Mundial de Clubes no ano anterior. Nas quartas de final da Libertadores, o Tricolor havia perdido para o Estudiantes na Argentina por 1 a 0 e precisava reverter a situação no Morumbi.

Aos 43 minutos do primeiro tempo, Edcarlos furou a retranca argentina após cruzamento de Júnior e levou a decisão para os pênaltis. A estrela de Rogério Ceni apareceu e o Tricolor garantiu vaga nas semifinais, quando eliminaria os mexicanos do Chivas com vitórias por 1 a 0 e 3 a 0.

Fonte: Lance

Um comentário em “Vilão corintiano, Edcarlos viveu outras noites de herói no São Paulo

  1. E ainda dizem que o Edcarlos é “cabeça de bagre”…
    O cara ganhou tudo com o SP e até hoje continua nos dando alegria intensa, como ontem, ao marcar o quarto contra os galinha. . . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*