Torcida organizada pede nova reunião com diretoria do São Paulo

Maior organizada do São Paulo, a Torcida Independente voltou a exigir um encontro com a cúpula tricolor. A uniformizada quer se reunir nesta quinta-feira com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, e o diretor-executivo de futebol Vinicius Pinotti, para fazer cobranças e discutir o planejamento de 2018.

Diferentemente da reunião realizada em setembro, no CCT da Barra Funda, em que também houve participação de jogadores e comissão técnica, desta vez os organizados querem falar apenas com os dois principais dirigentes do futebol.

Além de uma comissão mesclada por membros da uniformizada e torcedores “comuns”, a Independente vai escolher outras dez pessoas para acompanhar o possível encontro.

Em nota oficial divulgada nas redes sociais, a organizada adiantou algumas de suas reivindicações. Entre elas estão a permanências de jogadores como Jucilei, Hernanes, Cueva e Rodrigo Caio para 2018, transparência das contas do clube, um “marketing forte”, e a manutenção de preços mais baratos para os ingressos do time nos jogos a serem realizados no Morumbi no ano que vem.

Com alguns de seus líderes respondendo processos criminais na Justiça do estado de São Paulo em decorrência da invasão ao CT em 2016, a Independente diz ter mudado de postura, implementando uma “nova ideologia de debate”. Também garantiu que não fará protestos durante o jogo contra o Bahia, no próximo domingo, no Morumbi, em duelo válido pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Abaixo, veja o comunicado da Independente na íntegra:

NOTA OFICIAL (Posicionamento)
Caminho que seguiremos
Protesto Inteligente
REUNIÃO COM A DIRETORIA – COBRANÇAS E PLANEJAMENTO.

A Torcida Independente começou o ano com uma nova postura, a do diálogo e da cobrança inteligente.Percebemos que não adianta nada juntarmos 8.000/10.000 torcedores e ir protestar no CT, ou seja lá onde for, pois já fizemos isso algumas vezes e na prática os resultados foram poucos, perto do que queremos efetivamente.

Nossos líderes responderam por processos criminais e as mudanças não existiram. Muito fácil nos recriminar quando dá errado e agora pedir para que nós coloquemos as caras para, novamente, fazer o errado.

Continuando nossa mudança de postura, após reunião com a Diretoria da nossa Organizada, decidimos que soltaremos um ofício hoje no Morumbi, convocando uma reunião para quinta-feira que vem, dia 30/11, com o Presidente Leco e o Diretor de futebol Vinicius Pinotti.

Formaremos uma nova comissão de torcedores (organizadas e comuns) e abriremos mais 10 vagas para torcedores do Brasil todo, que queiram participar, onde trataremos os seguintes assuntos:

• Manutenção dos principais jogadores do atual elenco (Sidão, Jucilei, Hernanes, Cueva, Rodrigo Caio ,Arboleda, Pratto, Petros , Brenner , Marcos Guilherme e Militão ) utilização com frequência jogadores da base e contratações de dois laterais, 2 atacantes de velocidade e 1 jogador de meio de campo, pois teremos jogadores em seleção.

• Cobraremos a transparência das contas e a atual situação financeira do clube.

• Cobraremos a utilização do estatuto de forma correta e não nomeação de amigos para os cargos. Queremos profissionalismo no futebol; chega de amadores gerindo.

• Queremos um marketing forte e um plano de sócios torcedores que funcione, para lotar ainda mais o estádio no próximo ano.

• Queremos a manutenção dos preços populares de ingressos, para lotarmos o Morumbi novamente no Campeonato Paulista.

Não se esqueçam que quem elege as pessoas no SPFC são os conselheiros, não tendo a torcida nenhuma influência nesse quesito, sendo um mundo ‘fechado’, que devemos tentar mudar e exigir eleições para que os torcedores ganhem força.

No próximo jogo em casa contra o Bahia, não faremos nenhum protesto, pois será o jogo para encher nossa casa e aplaudirmos e vibrarmos por nós mesmos torcedores, a torcida que conduziu o time, que bateu todos os recordes possíveis e imaginários, que fez o Gigante permanecer na série A e não passar pelo maior vexame da história.

Se acham que estamos felizes e satisfeitos com nosso ano??? Claro que não! Foi um dos piores anos da nossa história de tantas glórias, mas percebemos que poderia ter sido muito pior se o time fosse rebaixado e, por isso, estamos orgulhosos de ter conseguido a permanência, pois sabemos que se não fosse a torcida, a queda seria inevitável.

Lutamos por um SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE forte e que brigue por títulos. Não temos rabo preso com ninguém, portanto seguiremos nossa nova ideologia de debate, do olho no olho, da cobrança inteligente, junto ao apoio dentro de campo, pois só assim conseguiremos os títulos em 2018, algo tão sonhado por nossa torcida.

TORCIDA INDEPENDENTE
#UNIDOSPELOSPFC

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Torcida organizada pede nova reunião com diretoria do São Paulo

  1. Boa noite tricolores!!
    Vi quase todas essas torcidas nascer, comprei botons, chaveiros e tudo que é quinquilharia que vendiam inclusive no Morumbi em dia de jogos, hoje sabemos criamos monstros que, se dermos mole, vão nos devorar, lugar de torcida é na arquibancada, pagando ingresso de preferência, cobrando sim a diretoria para que façam uma administração competente e transparente, agora, exigir este ou aquele jogador, pedir contratações pontuais como se fossem administradores do clube e não torcedores é demais, é o rabo balançando o cachorro, é banana comendo macaco, queremos o melhor para o São Paulo e ninguém, repito ninguém é mais torcedor porque se filiou a uma torcida organizada que mais se assemelha a organização criminosa e digo se essa diretoria, que já provou ser incompetente, se render a essa palhaçada ai sim é um bom motivo para retirá-los de lá.

  2. Era o que faltava, aceitar ingerência administrativa de um torcida uniformizada.
    Estão, até, querendo “contribuiir” na formação do plantel de 2018.
    Inadmissível.
    Assim como eles, o clube é Independente para tomar as próprias decisões.

  3. Tão de brincadeira!
    Quem pagaria os salários de 2 milhoes/mês do Hernanes?
    A nossa diretoria é senhora pra fazer as cag..s costumeiras sozínha; não precisa de ajuda neste quesito.
    Concordo que a organizada se manifeste quanto às necessidades de melhoria do time e quanto ao valor cobrado pelos espetáculos apresentados no Morumbi; agora, querer participar da administração do clube através de ameaças veladas, não concordo. Reuniões com torcidas organizadas enfraquecem o comando do clube e não acredito que o Leco vai atender a reivindicação desta. Espero pra ver…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*