Técnico do sub-20 exalta vitória sobre Palmeiras: “Foi emblemático”

Com um jogador a menos desde o início do segundo tempo, o São Paulo venceu o Palmeiras de virada e com gol no último minuto, por 4 a 3, conquistando o tricampeonato seguido da Copa RS, neste domingo, em Porto Alegre. André Jardine, comandante do time tricolor, exaltou a vitória que culminou com o único título do time sub-20 no ano.

“Foi emblemático. Uma virada com um a menos num clássico, numa final, foi o jogo mais importante, mais intenso da minha vida e vai ficar para a história”, disse o técnico ao site oficial do clube.

Os tricolores saíram atrás no marcador, mas buscaram o empate aos 46 minutos do primeiro tempo, com gol de Walce. No começo da etapa complementar, o próprio Walce foi expulso ao colocar a mão na bola dentro da área. Na cobrança do pênalti, José Aldo marcou o segundo dele e do Palmeiras.

Com 2 a 1 no placar, o São Paulo buscou o empate, desta vez com Gabriel Novaes. Papagaio, no entanto, recolocou o Palmeiras na frente. Aí, o time do Morumbi, mesmo em desvantagem numérica, se lançou ao ataque e voltou a deixar tudo igual aos 41, com Tuta. Aos 48, no último minuto do jogo, Bissoli, de cabeça, marcou o gol do título tricolor.

A conquista, bastante comemorada pelos são-paulinos no Sul do país, acabou coroando a campanha do time sub-20 do Tricolor, que não havia conseguido chegar às finais do Campeonato Brasileiro e do Paulista. “Essa molecada lutou bastante e não podia passar o ano em branco. Foi um ano com muito trabalho, dedicação de todos, e essa era última chance de ser campeão. Colocar o São Paulo no pódio, é uma satisfação”, celebrou o treinador.

Comandando o time sub-20 do São Paulo desde o início de 2015, André Jardine é gaúcho e também acumula conquistas na base de Inter e Grêmio. Após bater o Palmeiras, ele falou sobre ganhar um título perto de amigos e familiares. “Tenho um carinho muito grande por essa terra, vir com o São Paulo e gritar ‘é campeão’ tem um gosto maravilhoso”, concluiu.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

5 comentários em “Técnico do sub-20 exalta vitória sobre Palmeiras: “Foi emblemático”

  1. Não tem preço fazer as pepinhas engolirem sua soberba que transborda do elenco profissional.

    Acho que Jardine está bem perto de encerrar um ciclo nessa categoria, com certeza terá grande chance de ser bem sucedido dirigindo os titulares do profissional. No mínimo já seria hoje um auxiliar técnico de primeira grandeza devido suas qualificações.

    Parabéns ao Jardine pelo excelente trabalho que tem mostrado todos esses anos.

  2. Esse Jardine está perdendo tempo sendo treinador da base do S.Paulo!
    Ele é muito melhor do que, pelo menos, uns 80% dos treinadores brasileiros! Ele escala bem, mexe muito bem no time quando o time que entrou não corresponde e, parece que sabe treinar e passar o que pensa para seus jogadores. Enfim, muito melhor que a grande maioria dos “distribuidores” de camisas que temos à frente dos times brasileiros…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*