Súmula revela que juiz expulsou Carleto e Maicon após o fim do jogo

Depois da doída eliminação diante do Corinthians, nos pênaltis, os jogadores são-paulinos perderam a calma, cercaram o juiz e protestaram muito. Antônio Rogério do Prado não perdoou. Como revelou a súmula do clássico, divulgada nesta segunda, o árbitro expulsou Tiago Carleto e Maicon após o chute de Pato ter definido o confronto.

“Vocês arrumaram de novo, vocês são ladrões”, teria dito Carleto no meio da confusão. “Filho da p…, filho da p…, ladrão, filho da p…”, teria dito Maicon, por sua vez.

Antônio do Prado ainda relatou um empurrão do lateral são-paulino em um dos bandeirinhas para justificar a expulsão. Luis Fabiano, outro que estava muito exaltado no momento da confusão, não foi citado e saiu ileso.

As expulsões só terão efeito prático no Campeonato Paulista do ano que vem, mas retratam o quanto o fim do jogo do último domingo foi tumultuado. Depois de um 0 a 0 morno no tempo normal, o Corinthians venceu nos pênaltis por 4 a 3 de forma bastante polêmica.

Na última cobrança, Rogério Ceni deu três passos à frente e defendeu a batida de Alexandre Pato, mas o árbitro mandou voltar. Na segunda tentativa, o atacante corintiano acertou e selou a classificação do clube alvinegro à final do Estadual, contra o Santos.

Fonte: UOl

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*