Sob olhares de Aidar e vice, São Paulo tem treino fechado por 40 minutos

O técnico Muricy Ramalho não deu qualquer pista da escalação do São Paulo no treino desta segunda-feira. Em preparação para o clássico contra o Corinthians, na quarta-feira, pela Copa Libertadores da América, o comandante fechou os portões do CT da Barra Funda por 40 minutos.

Quando liberou a presença da imprensa, os jogadores já estavam em um treino técnico, com titulares e reservas misturados. O presidente do clube, Carlos Miguel Aidar, e o vice-presidente de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, assistiram ao treino sentados em um banco de reservas afastado.

O mandatário deixou o local ainda no meio da atividade, enquanto o principal dirigente de futebol do clube permaneceu no banco até os momentos finais. Neste ano, a dupla já deixou claro a Muricy Ramalho que espera um título do São Paulo depois das contratações.

Divulgação/São Paulo FC

Muricy Ramalho misturou titulares e reservas na parte aberta do treino desta segunda

Antes de estrear na Libertadores, o treinador não confirma a escalação. Luis Fabiano tem presença certa na frente, mas Muricy não conta com Alexandre Pato, por questões contratuais, e nem com Centurión, que cumpre suspensão da época em que defendia o Racing.

Se quiser colocar um atacante de ofício, o técnico tem Alan Kardec. Porém, uma formação mais cautelosa teria a permanência de Maicon, mesmo com Denilson e Souza mais recuados. O treinador só deve confirmar o time momentos antes da estreia, na quarta, em Itaquera.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*