Show no Paulistão repete marca de Pato no SP: só faz gol quando é titular

Nesta quarta-feira, Pato começou pela primeira uma partida como titular do São Paulo em 2015. Não poderia ter sido melhor: decisivo, o atacante desmontou a defesa do Capivariano com três gols e uma assistência. A grande atuação ajudará muito a convencer o técnico Muricy Ramalho de que o atacante merece um lugar entre os onze. Se isso não acontecer, outra marca chama a atenção: o camisa 11 só marcou gols com a camisa tricolor em jogos nos quais foi titular.

“Sei o sofrimento, o quanto é difícil entrar com 10, 15 minutos. Ele precisa de uma sequência, vai ter oportunidade” disse Muricy na última sexta-feira. Os números dão razão ao técnico.

Pato tem 46 jogos pelo clube do Morumbi, e 15 gols marcados. Todos os gols, sem exceção, vieram em jogos nos quais começou jogando – foram 35 oportunidades. Nas onze ocasiões nas quais veio do banco de reservas, passou em branco.

A média de gols do “Pato” titular é de respeitável 0,43 gol por jogo – 15, em 35 partidas. O número é bem superior à média geral de 0,33 gol por jogo no total.

Dos três gols marcados nesta quarta, dois foram na primeira etapa, o que também indica outra tendência, embora leve, na trajetória de Pato no Morumbi: mais da metade dos gols acontecem nos primeiros 45 minutos – são oito dos quinze marcados.

Esses números podem ser mera coincidência, ou podem ter explicações mais profundas. Uma hipótese e a de que Pato, de fato, fique desmotivado quando é relegado ao banco de reservas: isso explicaria as constantes declarações de que ele precisa “querer mais” dadas por Muricy até pelo seu empresário Gilmar Veloz.

O fato é que, pelo menos jogando pelo São Paulo, Pato não se mostra um jogador de segundo tempo. Cabe a ele, agora, aproveitar a sequência que deve ser dada por Muricy para não sair mais do time.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*