Sem vencer há um mês, São Paulo fica perto de repetir marca negativa

Em sua pior fase no Campeonato Brasileiro, o São Paulo tenta reencontrar o caminho das vitórias na temporada. Sem vencer há mais de 40 dias, o Tricolor recebe no Morumbi o Atlético-PR, neste sábado, às 19h, pela 30ª rodada da competição nacional. Atualmente na quarta posição na tabela, com 52 pontos, o time do técnico Diego Aguirre pode igualar uma marca negativa de 2015, quando perdeu três partidas em sequência pela última vez.

Em seus dois últimos compromissos, o São Paulo saiu derrotado. Contra o Palmeiras, com mais de 50 mil torcedores no Morumbi, o Tricolor foi dominado, não conseguiu oferecer resistência perante seu rival e saiu de campo superado por 2 a 0. Na semana seguinte, em outro jogo extremamente importante, o time até que saiu na frente do Internacional, em pleno Beira-Rio, mas levou a virada e perdeu por 3 a 1.

Contra o Atlético-PR, o São Paulo tenta não somar sua terceira derrota seguida na temporada. Afinal, além de poder liquidar as já escassas possibilidades de conquistar o principal título do futebol nacional, o Tricolor chegaria ao seu terceiro revés seguido em 2018 A última vez que isso aconteceu no clube do Morumbi foi agosto de 2015, quando perdeu para Goiás, Ceará e Flamengo na sequência.

Para evitar o recorde negativo, o técnico Diego Aguirre prepara algumas mudanças no time titular. Os até então intocáveis Jucilei e Nenê podem perder suas vagas e darem espaços para outros jogadores. A comissão técnica testou algumas formações durante essa semana, mas como fechou as atividades para os jornalistas, não é possível definir a escalação tricolor, que será divulgada apenas minutos antes de a bola rolar no Morumbi.

Lutando para se manter vivo na briga pelo título, o São Paulo volta ao Morumbi depois da frustrante derrota para o Palmeiras. Em caso de vitória, o Tricolor pode terminar a rodada com apenas quatro pontos de distância para o líder. Embora difícil a missão são-paulina na temporada, o elenco e a comissão técnica ainda não jogaram a toalha.

 

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*