Sem ter como competir, Grêmio desiste do argentino Montillo

São Paulo e Santos, clubes interessados na contratação do apoiador Montillo, do Cruzeiro, já não têm mais a concorrência do Grêmio. O clube gaúcho desistiu da negociação, que havia sido divulgada na última terça-feira.

Rui Costa, futuro diretor executivo de futebol do Grêmio, chegou a se reunir com Gilvan de Pinho Tavares, presidente do Cruzeiro, pelo argentino, mas a negociação não avançou. A Raposa pretende, além de conseguir uma boa quantia pelo jogador, reforçar o seu plantel, o que deixa Montillo próximo do São Paulo.

– A negociação com o Montillo não existe mais. Sabíamos do interesse do atleta buscar outros caminhos e buscamos informações sobre a saída desse atleta, o que era a nossa obrigação, por isso fiz questão de falar com o presidente (Gilvan Tavares) – disse Rui Costa, em entrevista à Rádio Guaíba, antes de citar que o Grêmio não teve condições de competir financeiramente:

– De forma clara, sabíamos que outros clubes estavam interessados, com disponibilidade de caixa que o Grêmio não tem. Quem tem capacidade de desembolso tem vantagem. A questão do Montillo foi uma sondagem do que sabíamos que estava acontecendo no mercado.

Incluir jogadores como os atacantes Kleber e Marcelo Moreno – ambos ex-Cruzeiro – na negociação não estava nos planos do Grêmio.

– O Moreno é importante, o Kleber também é. São os maiores investimentos. Temos de ter cuidados. Em nenhum momento falamos em colocá-los em negócio. São jogadores completamente integrados no grupo e com a torcida. Não há nada nesse sentido – concluiu Rui Costa

Montillo poderia ser a primeira grande contratação do Grêmio para a próxima temporada, quando o clube voltará a disputar a Libertadores. Uma vitória diante do Internacional, neste domingo, garante o Tricolor na fase de grupos da competição sul-americana.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*