Sem protesto, mas com escolta, São Paulo desembarca

O São Paulo chegou no início da tarde desta quinta-feira à capital paulista, após ser eliminado pelo Atlético-MG da Copa Libertadores. Apesar da derrota por 4 a 1 em Minas Gerais, os jogadores tricolores não sofreram com protestos de torcedores: apenas um, trajado com roupas da Independente, estava no local, mas não realizou qualquer cobrança.

Apesar do clima tranquilo, a diretoria são-paulina havia preparado um esquema de segurança no aeroporto. Além dos muitos jornalistas no local, havia um bom número de policiais militares – o ônibus da delegação saiu escoltado por motos da PM. Além dos seguranças do clube, outros foram contratados para evitar problemas.

Rogério Ceni, que deve ter disputado sua última Libertadores, não concedeu entrevistas na chegada à capital paulista. O camisa 01 considerou que já tinha falado muito após o jogo no Independência. Luis Fabiano, que marcou o gol de honra do Tricolor em Minas, também passou calado. Ganso, outra peça importante do elenco, passou despercebido. Denilson e Wellington, em compensação, pararam e deram explicações.

Mesmo com a eliminação nas oitavas de final para o Galo (que venceu os dois jogos do confronto), a diretoria bancou Ney Franco como técnico até o final da temporada. Fora da decisão do Paulista e da sequência da Libertadores, o time do Morumbi faz seu próximo jogo apenas no dia 26 de maio, quando estreia no Brasileirão, diante da Ponte Preta, no Moisés Lucarelli.
Fonte: Lance

5 comentários em “Sem protesto, mas com escolta, São Paulo desembarca

  1. Desculpe José Luis, vou tentar falar no seu dialeto.

    Ae mano firmeza? tudo pela ordi? o juvena é um bosta memo, o time nun ta ligado nas parada e ta amarelando. ma nois num é marginal seu doto nois num vai fika pagando de vida loka ingual os manu curintianu.

    Nois so achemo que num devemu sai dando porradia nem quebra tudo. pruque nois achemo que devemos cobrar d maneira ingual os mano que tem inducação i curtura.

    Entendeu agora?

    Tradução para pessoas normais:
    Não gosto do Juvenal e acho o time fraco, mas não acho correto quebra quebra, perseguir jogadores ou qualquer tipo de violência.
    Afinal futebol é diversão e não guerra. O time perdeu? sem problemas. qualquer dia ele ganha.

  2. José Luis,

    Foi difícil traduzir seu texto tão cheio de erros de grafia, concordância e principalmente de conteúdo. Mas eu acho que entendi o que você tentou relinchar.

    Vamos lá. NÃO, NÃO somos iguais aos CÚrintiANUS para quebrar tudo, protestar como imbecis ou agir como marginais. Existem meios mais inteligentes de se protestar.

    ENTENDEU ou quer que desenhe?

    Alias você é São paulino????? Acho que não. Se for, pela inteligencia diminuta que deus lhe deu, deveria torcer pelo CUrintia.

    • Primeiro, sou tão São Paulino quanto a voce, a unica diferença nossa é que não sou trouxa para ficar dando dinheiro em bilheteria/ lojas de materiais esportivos, pois sem muito bem para onde (com essa direoria) vão esses gastos!!!!

      Só tenho isso para ti dizer, mais nada!!

      • O dia que a torcida do São Paulo começar a partir para esse tipo de agressão eu deixo de acompanhar o futebol brasileiro. É RIDÍCULO quando aquele BANDO DE VAGABUNDO FRUSTRADO SEM OBJETIVO NA VIDA invade um treino e vai querer falar com diretoria, bater em jogador e todas essas ameaças de criança chorona que se acha alguma merda. Faz muito, mas MUITO bem o São Paulo em não permitir isso, é uma vergonha alheia terrível, já dá vergonha de saber que pixam muro. Querem fazer barraco, mudem de time, vão torcer pros times de merda que aceitam essas badernas de bater em jogador, torcedor que não sabe nem escrever o próprio nome querer falar pro técnico quem pode e quem não pode jogar.

        Esse tipo de atitude não demonstra masculinidade, demonstra BURRICE pra saber priorizar as coisas. Vai cobrar dos políticos a merda em que vivemos nesse país, seu inútil.

        Tá nervosinho? ENFIA OS DOIS POLEGARES NO CU E RASGA.

  3. Depois não gostam quando a gente fala de outras torcidas que tem comportamentos diferentes dessa “PÓ de ARROZ”…

    O que tinham que fazer hoje, era estarem lá e protestarem contra todos inclusive ao JJ mas não, gestos assim é mal educado e o carolho a quatro, somos torcedores educados!!!!

    Cambada de BAMBIS mesmo, tem que se ferrarem e aguentarem a gosação, ah, logo logo terá um jogo do Tricolor no Morumbi e ai voces vão lá e lotam e dêem R$ 2.000.000,00 de lucro para o safado do JJ gastar na suas fazendas, seus BURROOOOOOSSSSSS…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*