Sem convicção, Muricy diz que deve repetir formação da estreia

escalação do São Paulo diante do Cruzeiro, no domingo, deverá ser a mesma que venceu o Botafogo, na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Nenhuma certeza, porém. Muricy Ramalho fez elogios ao esquema com dois meias e dois atacantes, mas não passou muita convicção ao comentar sobre o time que levará a Uberlândia.

“Contra o Botafogo, foi a primeira vez que jogaram assim. Tem que dar confiança, senão fica mudando demais. Não quer dizer nada que é esse time que vai jogar. Começou muito bem a competição e, por isso, deve jogar”, disse, de forma confusa, pouco depois de ter dito que é favorável a variações no desenho tático.

O onze que derrotou o Botafogo por 3 a 0, no domingo passado, tinha Rogério Ceni; Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Álvaro Pereira; Souza, Maicon, Boschilia e Ganso; Alexandre Pato e Luis Fabiano. No meio de semana, diante do CRB, em Maceió, Luis Fabiano foi poupado e deu lugar a Ademilson, porém está confirmado novamente como titular.

“A gente cuidou dele neste jogo. Não é questão de sequência, era de viagens. Foi até bom que não foi mesmo (a Maceió). A viagem foi muito dura, principalmente a de volta. A gente tem que cuidar dele. Jogou todas quando esteve bem, não faltou a nenhum treinamento. Ele é muito importante para nós, porque é único no nosso time que faz essa função. Só ficou fora do jogo para descansar”, comentou Muricy.

Boschilia, meia de 18 anos que foi titular nas últimas duas partidas, foi sacado no intervalo da derrota de quarta-feira e, nesta sexta, treinou com os reservas. Isso não significa necessariamente que ele deixará o time.

Depois de somar os três primeiros pontos na abertura do Brasileiro, o São Paulo volta a campo às 16 horas (de Brasília) de domingo, no Parque do Sabiá. O Cruzeiro, que também teve uma estreia vitoriosa, foi o campeão da edição passada da competição.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Sem convicção, Muricy diz que deve repetir formação da estreia

  1. Vai mudar o esquema pra esse jogo!
    Senão o esquema de 4 4 2, ao menos vai colocar mais um marcador no meio de campo porque se continuar os espaços apresentados contra o Bota e em Maceió, pode tomar uma goleada; isso o Cruzeiro jogando com seu time principal.
    Melhor respeitar e voltar a jogar por uma bola que, aí sim, o Murici pode surpreender fazendo do mesmo. . .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.