Segundo Luis Fabiano, arbitragem admitiu erro após o intervalo

Foi com um gol irregular que o Internacional abriu o placar nesta quarta-feira, aos 17 minutos do duelo contra o São Paulo. O impedimento do zagueiro Paulão rendeu reclamação desde o momento em que a bola tocou a rede até o apito final do empate por 1 a 1 no Morumbi. Já no intervalo, entretanto, o árbitro teria assumido o erro aos jogadores.

“Ele admitiu, falou que é ser humano”, disse o atacante Luis Fabiano, autor do gol são-paulino, no início da segunda etapa. “A gente entende, mas precisa estar mais atento, porque um erro pode custar um campeonato todo. Em um jogo tão equilibrado como esse, um erro a favor do adversário pesa muito, como pesou. A gente buscou o empate, criou outras boas oportunidades, mas não conseguiu sair com a vitória”.

O erro, na realidade, foi do assistente Kléber Lúcio Gil, a quem o goleiro Rogério Ceni direcionou sua acintosa reclamação assim que foi vazado. A veemência ao chiar foi tamanha – tanto no final da primeira etapa quanto no retorno do vestiário – que o capitão acabou sendo advertido com cartão amarelo. Os visitantes, porém, também se revoltaram e saíram de campo irritados com a confusa arbitragem desta noite.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Luis Fabiano e principalmente Rogério Ceni reclamaram bastante do gol do Internacional

“É… todo o mundo vai buscar desculpa, puxar a sardinha para o seu lado”, sorriu Luis Fabiano, sem polemizar. “Infelizmente, pesou para o nosso lado. Depois, ele se perdeu um pouco, mas paciência. Os árbitros estão confusos (ultimamente). A gente vê alguns jogos com arbitragem confusa. Mas não adianta culpar o árbitro, nem o erro. A gente poderia ter saído com a vitória. Não deu. Foi um grande jogo, as duas equipes lutavam pelos três pontos”.

Com apenas um em vez de três pontos, o São Paulo fica ainda mais distante da disputa pelo título, já que o Cruzeiro fica quatro pontos acima, tendo cinco jogos (um a mais) a disputar. O próximo do time paulista será o clássico contra o Palmeiras, no domingo, novamente no Morumbi.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*