São Paulo volta aos treinos com grupo dividido e Lyanco recuperado de lesão

Após um dia de folga, o São Paulo se reapresentou no CT da Barra Funda, de olho na partida de sábado, contra a Ponte Preta, no Morumbi, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico Ricardo Gomes dividiu o elenco em duas partes. Enquanto os titulares fizeram apenas uma leve atividade, correndo em volta do gramado, os reservas foram a campo e disputaram um coletivo contra a equipe sub-20.

A preocupação com o estado físico do elenco tricolor é grande, por isso não é hora de forçar nada. O técnico Ricardo Gomes terá os treinos de quinta e sexta para definir o time que irá a campo. Em ambos, a primeira parte será fechada, sem a presença dos jornalistas. A tendência é que ele aproveite o embalo provocado pela vitória sobre o Fluminense e escale uma formação ofensiva.

Isso porque Wesley, que vem atuando seguidamente como volante, será deslocado para a lateral-direita, já que Buffarini está suspenso e Bruno segue em recuperação de lesão muscular. Com isso, abre-se uma vaga no meio-campo. O treinador são-paulino teria três opções: Kelvin, David Neres ou Jean Carlos. Os dois primeiros atuariam abertos pela direita, enquanto o terceiro jogaria centralizado, com Cueva jogando na esquerda e Robson na direita.

No coletivo dos reservas contra o time sub-20 percebeu-se a presença do zagueiro Lyanco que, recuperado de uma lesão muscular na coxa esquerda, disputa com Douglas e Lucão uma vaga na defesa para atuar ao lado de Rodrigo Caio, já que Maicon e Lugano levaram o terceiro cartão amarelo diante do Fluminense e terão de cumprir suspensão automática.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*