São Paulo usa casa melhor do que rivais mesmo com torcida “mais longe”

O São Paulo chegou à marca de 12 vitórias seguidas no Morumbi ao derrotar o Grêmio por 2 a 0 no último sábado. Com o resultado, o time bateu um recorde histórico, superando a série de 11 triunfos consecutivos, registrada em 2005. E quem acha que a receita para ser bom mandante é sinal de pressão dos torcedores perto do campo, está enganado.

Mesmo com a torcida mais longe do gramado do Morumbi na comparação com os estádios de Corinthians, Palmeiras e Santos, o aproveitamento são-paulino é bem superior ao dos três maiores adversários do Estado. Até aqui, o time tricolor conquistou 93% dos pontos, com 14 vitórias e apenas uma derrota no seu estádio.

O segundo melhor desempenho em 2015 é do Santos, que tem aproveitamento de 78% na Vila Belmiro, contra 72% de Corinthians e Palmeiras nas suas novas arenas. Os três estádios têm um aspecto em comum: a proximidade do gramado e consequente pressão dos torcedores.

Na Vila Belmiro, o torcedor assiste às partidas a menos de cinco metros do gramado. Na Arena Corinthians, a distância é de nove metros. No Allianz Parque, o campo fica a cerca de 15 metros dos primeiros assentos. Já no Morumbi, o espectador mais próximo fica a 36 metros das quatro linhas.

O fato não impede que o São Paulo transforme o Morumbi em alçapão. Contra o Cruzeiro, por exemplo, mais de 66 mil pessoas compareceram ao local, no maior público do futebol brasileiro em 2015. O time, com o apoio da torcida, venceu por 1 a 0, gol de Centurión, já no final da partida.

Na atual temporada, o São Paulo mantém a boa fase no local, mesmo com públicos médios. Isso ocorreu nas quatro vitórias do time no Campeonato Brasileiro, contra Flamengo (2 a 1). Joinville (3 a 0), Santos (3 a 2) e Grêmio (2 a 0). A média de público do time na competição é de 14,3 mil pessoas.

No Brasileirão, a diferença dos desempenhos em casa entre os rivais de São Paulo é ainda maior. O time do Morumbi soma quatro vitórias em casa. Corinthians e Palmeiras ainda não venceram nas suas arenas, enquanto o Santos só conseguiu derrotar um adversário na Vila.

Boa fase passageira

Apesar dos maus resultados no Brasileirão nos jogos dentro de casa, Corinthians, Palmeiras e Santos tiveram boas séries durante a temporada. O time alviverde alcançou oito vitórias consecutivas durante o Campeonato Paulista no Allianz Parque, inaugurado em novembro do ano passado.

O Corinthians, por sua vez, somou sete triunfos seguidos em Itaquera, um a mais do que o Santos na Vila. O time de Tite, além disso, manteve uma invencibilidade iniciada ainda em 2014, sob o comando de Mano Menezes.

No total, a equipe alvinegra ficou 32 jogos sem perder e foi derrotada pelo Guaraní, do Paraguai, nas oitavas de final da Libertadores. Depois, no confronto seguinte, teve um revés diante do Palmeiras na Arena Corinthians.

Aproveitamento de pontos em casa em 2015

São Paulo: 93,3% (14 vitórias e uma derrota)
Santos: 77,8% (8 vitórias e quatro empates)
Corinthians: 72,5% (11 vitórias, quatro empates e duas derrotas)
Palmeiras: 72,2% (12 vitórias, três empates e três derrotas)
Número de vitórias seguidas em casa em 2015

São Paulo: 12
Palmeiras: 8
Corinthians: 7
Santos: 6

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.