São Paulo só quis Buffarini para atender Bauza, que agora pode sair

Julio Buffarini, lateral-direito do San Lorenzo (ARG), não estaria na expectativa de defender o São Paulo nos próximos dias não fosse por conta de Edgardo Bauza. A diretoria do São Paulo só topou desembolsar 1,8 milhão de dólares (cerca de R$ 6 milhões) pelo jogador de 27 anos para atender o desejo do comandante argentino. O problema é que Bauza pode não estar mais no Morumbi quando Buffarini aportar no Brasil.

Patón é dado como favorito para substituir Tata Martino no comando da seleção da Argentina. Na última quinta-feira, a imprensa do país noticiou o interesse e disse que o treinador embarcaria para Buenos Aires nesta sexta para falar do assunto com os membros da Associação de Futebol Argentino (AFA). O São Paulo confirmou que o técnico será recebido na AFA (Associação de Futebol Argentino), mas não informou quando.

A relação de Bauza com Buffarini tem ar de obsessão. Desde quando foi contratado, no fim do ano passado, o treinador nunca deixou de pedir a aquisição de um dos principais jogadores do San Lorenzo, com quem foi campeão da Libertadores em 2014. A diretoria, no entanto, sempre fez jogo duro e só cedeu nas últimos momentos da janela de transferência internacional, na última terça-feira.

O diretor-executivo Gustavo Vieira de Oliveira, responsável pelo departamento de futebol do São Paulo, sempre argumentou com Bauza sobre Buffarini. Alertava que o modelo de negócio proposto pelo clube argentino era complicado para quem não tinha situação financeira confortável. E ponderava quando o Patón exaltava as virtudes de Buffarini: força, garra, subida forte ao ataque. Para Gustavo, Bauza estava descrevendo Bruno, que poderia ser melhor trabalhado.

Fato é que o São Paulo só conseguiu concluir a negociação em cima da hora e isso pode fazer com que Buffarini nem seja de fato contratado. Gustavo negociou até os últimos momentos da janela de transferência um valor mais baixo e conseguiu redução. No entanto, os trâmites feitos às pressas não foram concretizados antes do fim da janela de transferências. Os documentos dos clubes foram enviados às 23h59 da terça, mas o envio da CBF à Fifa extrapolou esse limite. Sendo assim, caberá à Fifa validar a negociação. O São Paulo exime a CBF de culpa.

Bauza - Treino do São Paulo em Medellin
Edgardo Bauza, em treino do São Paulo (Rubens Chiri / saopaulofc.net_

O São Paulo diz que a possível saída de Bauza não altera a negociação com Buffarini. Garante que o jogador será incorporado mesmo sem o treinador que o pediu. Exalta suas virtudes, já elencadas por Patón.

Fato é que o São Paulo pode ficar sem Patón e, de quebra, Buffarini. Ou vice-versa.

Fonte: Lance

7 comentários em “São Paulo só quis Buffarini para atender Bauza, que agora pode sair

  1. O que me chama atenção é que em uma entrevista ao Lance um ou dois meses atrás , Bauza disse que não trocaria o São Paulo nem pela seleção da Argentina ,e que cumpriria o contrato.

    E agora ele mudou de idéia? e recebeu o jogador que ele mais queria como reforço desde o inicio do ano Buffarini.

  2. Alem da obcessao do Bauza pelo Buffarini ele gosta tanto dele por ser polivalente e pau para toda obra e isso que o Bauza gosta, jogador que jogue em pelo menos 2 posicoes e seja cascudo, enfim se deu mal pq nao vai vir pq a FIFA nao vai abrir as pernas ja que o sao paulo tb tem culpa em arrastar essa contratacao ate os ultimos minutos de fechar a janela, e se nao vier tb nao fara tanta diferença temos o Bruno que esta muito bem, nao temos reserva mas fazer o que, e o Bauza indo embora sera que o novo treinador vai gostar assim tanto dele?

  3. Aqui no Brasil toda a imprensa crítica o São Paulo. Sempre foi assim. Esse o ano o time tava capenga, o Bauza chegou, arrumou o time, e mesmo sem um baita time, chegamos a semi da libertadores, estamos perto do G4, não perdemos da galinhada nem das pepas, e o time tá melhorando. Mesmo assim esse lixo de imprensa fala que tá mal. Se o Baiza for pra seleção, boa sorte. Merece. Cabe a diretoria escolher bem o próximo.

  4. Ontem um jornalista argentino e amigo do jogador, afirmou que o Buffarini viria melhorar seu corrículum jogando no SPFC, pelo visto, somos mais respeitados pelos jornalistas do exterior do que pelos nossos que ficam o tempo todo criando crises e mais crises. Se o Bauza for convocado para sua seleção, ótimo para todos, é só parar para pensar e também calar a boca de um montão de urubus. Estamos no caminho certo é só dar tempo ao tempo.

  5. Essa contratação do Buffarini esta me cheirando a jogada da diretoria, ficaram enrolando ao máximo e na ultima hora, ou melhor no ultimo segundo da janela se fechar enviou a documentação, ate parece caso pensado para que a FIFA negue a inscrição e de fato não se concretize a contratação, dai a diretoria diz que não teve culpa e que contratou o cara que o técnico queria, mas que a culpada foi a FIFA para que tenha melado a negociação….sei não viu!!!!

  6. O cara me faz o São Paulo contratar metade da Argentina para depois ir embora? cade a entrevista que ele deu a um mês atrás falando que nem a Seleção da Argentina tirava ele do São Paulo???

    No mínimo honre o contrato até o fim…. se o Bauza for em bora quem assume o São Paulo??? Nelsinho Batista??? PQP…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.