São Paulo recicla desculpas e não consegue explicar irregularidade na temporada

O São Paulo vinha de três jogos sem derrota e parecia ter encontrado o caminho para crescer ainda mais na tabela do Brasileirão. Mas a atuação abaixo da média e o revés contra o Vasco no Morumbi acenderam a luz amarela no clube. Agora, os jogadores e o técnico Ney Franco reciclaram as desculpas na tentativa, ainda em vão, de explicar a irregularidade na temporada.

Ney Franco pediu paciência e alegou que ainda está conhecendo o elenco durante os jogos do São Paulo. O treinador acredita que com o tempo conseguirá implementar a sua filosofia de trabalho e fazer o Tricolor retomar o caminho das vitórias.

“Ainda precisamos testar alguns jogadores para conhecer. Acho que os dois jogos [Vasco e Palmeiras] nos ajudaram a conhecer o elenco e vamos formando opiniões sobre determinados jogadores. Não existe outro remédio do que nos apresentarmos ao CT amanhã [hoje]”, explicou o técnico.

O treinador do São Paulo também elencou a ausência de Lucas (com a seleção olímpica em Londres) como uma das desculpas para a derrota nesta quarta. O atacante Luis Fabiano concordou com Ney Franco, e mostrou uma postura pessimista ao falar do momento do Tricolor na temporada.

“Não está fácil. Não conseguimos jogar, fomos dominados. Mas falta muita coisa, não adianta esconder. Falta muito para o time melhorar. Quando falta um jogador com a qualidade do Lucas, sem desmerecer ninguém, mas nesse momento pesa muito. Falta experiência”.

O fato é que desde o início da temporada atual ninguém consegue explicar o porquê de o São Paulo oscilar tanto, seja jogador, técnico ou dirigente. No início, a desculpa era de que o time mudou muito e precisava de um tempo para engrenar (segundo o ex-técnico Emerson Leão, isso aconteceria em abril).

Depois, Leão foi demitido, e nele foi colocada a culpa pela falta de resultados. Com Ney Franco, o problema se tornou a falta de tempo para ele colocar a sua filosofia em prática, já que agora são dois jogos por semana. “Estamos no início de um projeto, e nele estamos dentro do Brasileiro, priorizando resultados em campo”, justificou o treinador.

Fonte: Uol

Um comentário em “São Paulo recicla desculpas e não consegue explicar irregularidade na temporada

  1. ACHO QUE TEMOS QUE DAR MAIS UM TEMPO PARA O NEY FRANCO CONSEGUIR MONTAR UMA BASE MAIS SOLIDA, MAS COMO DISSE ANTERIORMENTE, O NOSSO PROBLEMA NÃO É O TREINADOR.
    PRIMEIRO O DR. JUVENAL JÁ DEU O QUE TINHA QUE DAR, DEPOIS VEJO UM ENORME PROBLEMA NO DEPTO DE PREPARAÇÃO FÍSCA, POIS O TRICOLOR JOGA BEM OS PRIMEIROS 15 MINUTOS E DEPOIS ELE ADORMECEM EM CAMPO, E POR FIM TEMOS QUE CONTRATAR JOGADORES QUE VENHAM PARA SER TITULARES, E COM RESPONSABILIDADES, TEMOS QUE GASTAR DINHEIRO E NÃO PEGAR QUALQUER JOGADOR QUE ESTAJA NO FIM DE CONTRATO PARA TENTAR SER TITULAR NO S.P.F.C.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*