São Paulo e Grêmio reeditam disputa de Ganso por Vargas

Grêmio e São Paulo têm o mesmo otimismo sobre a contratação de Eduardo Vargas, do Napoli. O atacante, fruto de disputa, revive o ocorrido com Paulo Henrique Ganso, que acabou no Morumbi. Enquanto isso, o agente de Vargas não coloca o tricolor gaúcho ou o paulista em condição de superioridade. Nesta quinta, o assessor de futebol do Grêmio, Omar Selaimen, afirmou que um dirigente foi ao Chile para negociar. Mas o agente do atleta afirma desconhecer qualquer encontro.

“Não sei de nada (sobre a viagem do Grêmio). Não posso falar muito sobre a negociação envolvendo o Vargas, se é isso que você quer saber. Existe outro time brasileiro interessado, mas eu não posso falar o nome. Não depende só do Vargas, existem algumas coisas a serem acertadas”, disse Cristián Ogalde ao UOL Esporte.

Nesta quinta-feira, uma série de reuniões serviram para o diretor executivo de futebol gremista, Rui Costa, mostrar o projeto do clube ao avante chileno. De acordo com o clube do Sul, Vargas revelou desejo de jogar no Grêmio em 2013.

“O Rui está no Chile. Volta entre hoje e amanhã [sexta-feira]. Estamos otimistas. Fizemos nossa proposta, vamos mostrar para o jogador”, disse Selaimen ao UOL Esporte.

A questão é que o São Paulo mantém otimismo semelhante. O clube paulista também acredita em fechar com o atacante por empréstimo. Os discursos são semelhantes, ambos se consideram perto de fazer o anúncio, revivendo o ocorrido com Paulo Henrique Ganso.

Ao decidir deixar o Santos, no fim deste ano, Ganso era disputado por Grêmio e São Paulo. Ambos se viam perto de fechar a negociação, com anúncios preparados. Os paulistas venceram.

O mesmo ocorreu com Montillo. Também Grêmio e São Paulo chegaram a sondar o meia. Neste caso nenhum dos dois levou.

Segundo melhor jogador da América em 2011 e campeão da Sul-Americana com a Universidad de Chile, Eduardo Vargas, de 23 anos, foi comprado pelo Napoli no começo de 2012, mas não se adaptou ao futebol italiano. Os europeus admitem o liberar por empréstimo. O valor fixado para isso é 1 milhão de euros [R$ 2,7 mi].

Se concretizar o negócio, o Grêmio supre a lacuna de atacante de velocidade pretendido pela comissão técnica para 2013. Até agora os gaúchos já anunciaram três jogadores: Willian José, Dida e Alex Telles. Segundo o presidente Fábio Koff, mais três podem chegar até o dia 3, data da reapresentação do elenco.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*