Má fase do São Paulo no Brasileirão coincide com ‘seca’ de gols

O São Paulo atravessa uma má fase na temporada que pode ser explicada por um fato que incomoda: a ‘seca’ de gols do ataque. O Tricolor só marcou um gol nas quatro partidas que está sem vencer no Brasileirão.

A única vez em que o São Paulo balançou as redes foi contra o Inter, no empate por 1 a 1, no Morumbi. Na série sem vitórias, houve um empate sem gols com o Santos e duas derrotas por 1 a 0 contra Atlético-MG e Bahia.

A última vez que o ataque do São Paulo trabalhou de forma expressiva e de destaque coincidiu justamente com a última vitória no Brasileirão, quando goleou o Botafogo por 4 a 0 no Morumbi.

E a ‘seca’ no ataque passa também pelo fato de que o técnico Ney Franco não conseguiu escalar a sua dupla de titulares no setor, pois ou Lucas serviu a seleção brasileira ou Luis Fabiano estava machucado ou poupado neste período.

Contra a Portuguesa, nova indefinição, já que Luis Fabiano ainda não está confirmado como titular, pois ainda se recupera de uma lesão no ombro. Se ele não puder jogar, Osvaldo atuará ao lado de Lucas.

O camisa 7 do São Paulo se disse preparado para assumir a responsabilidade no ataque com ou sem Luis Fabiano ao seu lado, e ressaltou a necessidade de que o clube consiga vencer a Portuguesa para continuar sonhando por uma vaga na Libertadores do ano que vem.

“Sei da responsabilidade que eu carrego, nunca fugi de nada. Todo mundo ficou chateado, claro, com a derrota. Precisávamos dessa vitória, estamos vendo o Vasco se distanciando cada vez mais. A gente precisa voltar a vencer o mais rápido possível e agora temos que trabalhar, pois só assim voltaremos a vencer”, declarou Lucas.

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*