São Paulo adota cautela após declaração de Bauza sobre zagueiro

O diretor executivo de futebol do São Paulo, Gustavo Vieira de Oliveira, pregou cautela nessa quinta-feira ao comentar sobre a contratação de um zagueiro argentino de nome não revelado. O dirigente tricolor resolveu se pronunciar sobre a negociação após o técnico Edgardo Bauza dizer que o clube anunciaria um novo reforço em até 48 horas. Segundo Oliveira, as conversas sobre o jogador não passam de “possibilidades”.

“Hoje nosso técnico antecipou o nome de mais um possível reforço. Trabalhamos sempre em sigilo nas negociações, porque as conversas nunca são retilíneas. É um perfil nosso tratar essas questões com algum sigilo. [A vinda do zagueiro argentino] é uma possibilidade, não digo nem probabilidade. É uma possibilidade porque ainda estamos pensando a respeito”, afirmou o executivo, antes de iniciar a apresentação oficial do atacante Kelvin.

As declarações de Bauza a respeito do possível reforço são-paulino foram feitas em entrevista ao SporTV. Ele não indicou quem seria o zagueiro argentino procurado pelo clube. “Estamos conversando com a diretoria para tentar trazer um zagueiro. Creio que nas próximas 24 ou 48 horas teremos novidades. O [lateral direito Julio] Buffarini não vai vir. Portanto, se vier algum zagueiro, fecharemos as contratações. Será um zagueiro de fora, mas que não está jogando na Argentina”, declarou.

Bauza tem sido franco ao falar sobre reforços e já havia demonstrado pessimismo com relação à chegada do argentino Buffarini. O San Lorenzo se mostrou irredutível nas negociações e não respondeu a uma proposta de R$ 5 milhões feita pelo lateral.

Sem o jogador, o Tricolor voltou as atenções para a zaga. Bauza entende que terá diversos desfalques ao longo da temporada e precisa de mais um nome para integrar o setor. Rodrigo Caio e Lucão foram nomes frequentes nas convocações para a Seleção olímpica e poderão seguir no time nacional devido à disputa dos Jogos do Rio de Janeiro. Lugano não tem condições de atuar em todas as partidas da temporada, enquanto Breno sofre com problemas físicos.

Recentemente, o diretor de futebol adjunto do Corinthians, Eduardo Ferreira, criticou o São Paulo publicamente por uma tentativa de atravessar as negociações pelo zagueiro paraguaio Fabián Balbuena, do Libertad. O jogador já fez exames médicos no Timão e assinará contrato de três anos com a equipe alvinegra.

 

Fonte: Gazeta  Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*