Santos volta a querer Michel Bastos e pensa em troca com o São Paulo

O meia Michel Bastos voltou a fazer parte da lista de jogadores que interessam ao Santos. Sem espaço no São Paulo, o jogador deve ser envolvido em uma troca com algum clube no fim da atual temporada. O Peixe, então, cogita fazer uma proposta e oferecer algum atleta para contratar o tricolor.

O assunto, porém, é tratado com muita cautela na Vila Belmiro. O presidente Modesto Roma Júnior, do Alvinegro, quer falar sobre Michel Bastos diretamente com o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, do São Paulo. Por enquanto, o Santos sequer fez uma proposta ao Tricolor.

Como ainda não está com muito dinheiro em caixa, o Peixe não tem como investir para tirar Michel Bastos do São Paulo. Por isso, a única possibilidade é envolver algum jogador do elenco comandado pelo técnico Dorival Júnior em uma troca – vista com bons olhos pelo Tricolor. Os possíveis nomes ainda não foram listados.

Michel Bastos já havia despertado o interesse do Alvinegro nos últimos meses, mas o meia ainda estava sendo utilizado no Tricolor e as negociações não avançaram. Agora, a possibilidade de um acordo é maior.

A ótima relação entre os presidentes Modesto Roma e Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, poderá contribuir para a negociação. Recentemente, os dois dirigentes se encontraram na Federação Paulista de Futebol (FPF) e ficaram de retomar as conversas.

Empresário de Michel Bastos, Emmanuel de Kerchove viajará para o Brasil no próximo dia 22, quando quer conversar sobre o futuro do jogador. O agente diz ter conhecimento do interesse do Santos pela imprensa, mas não recebeu contatos de nenhum clube.

– Vamos tentar achar uma solução. No momento, sinceramente, não há nada de concreto. Os times estão esperando o fim dos campeonatos. Ele é profissional e treina. Espera um final feliz para todos. O intuito sempre foi sair pela porta da frente e é por lá que vai sair – disse Emmanuel de Kerchove.

Segundo o agente, a prioridade é fazer o meia se sentir bem no próximo clube. No São Paulo, ele viveu momentos de turbulência e chegou a ser agredido por torcedores, durante uma invasão ao CT da Barra Funda, no dia 27 de agosto. Em outros protestos, também foi o principal alvo de críticas.

– Não tem de obrigação de nada. A obrigação maior do Michel hoje é ele se sentir feliz. É mais isso, ver o projeto esportivo e a vantagem do clube de ter o Michel. Claro que entra duração do contrato, mas não será a prioridade número um, e sim o bem estar. Depois dessa fase no São Paulo ele precisa se sentir bem – afirmou.

O contrato de Michel Bastos com o São Paulo é válido até o fim de 2017. Aos 33 anos, o atleta fez cinco gols em 38 partidas na temporada. Mesmo sem atuar recentemente, ele tem treinado normalmente no CT da Barra Funda.

Fonte: Globo Esporte

Nota do PP: que o Michel Bastos não tem mais ambiente no São Paulo, isso é óbvio. Mas é um bom jogador, que tem mercado e, portanto, não pode ser trocado por jogador de segundo escalão do Santos.

6 comentários em “Santos volta a querer Michel Bastos e pensa em troca com o São Paulo

  1. Na última vez em que os clubes permutaram jogadores, tomamos um chapéu do Santos: Arouca por Rodrigo Souto! Espero que não tomemos outro chapéu.

  2. Discordo da sua Nota PP, acho que o Michel já foi um bom jogador, hoje não consegue jogar mais em alto nível, depois da dengue ele nunca mais voltou a ser o mesmo! Vejo ele como um grande problema caso ele realmente vá para o santos, ainda bem para o SPFC que se livra de um mal caráter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*