Rogério Ceni: um M1TO predestinado

O domingo será de Morumbi cheio. Torcedores que comparecerão para empurrar o time em busca de mais uma vitória no Campeonato Brasileiro. A um ponto do G4 e em excelente fase na temporada, o São Paulo receberá o Figueirense, vice-lanterna da competição nacional.

Além disso, o dia tem tudo para ser mais uma festa para o goleiro Rogério Ceni. Ao entrar em campo diante dos catarinenses, o M1TO completará a importante marca de 500 jogos com a camisa do São Paulo no Morumbi. E, em datas especiais, o goleiro costuma ser predestinado.

No ano passado, o São Paulo entrou em campo contra o Corinthians, na Arena Barueri, pelo Campeonato Paulista, com a possibilidade do centésimo gol de Rogério. A torcida compareceu em peso e o goleiro não decepcionou. Marcou um golaço de falta e fez o estádio delirar com o feito. O Tricolor venceria por 2 a 1.

Ainda em 2011, mais uma festa com vitória. Pelo Brasileiro, no dia 7 de setembro, 60.514 pessoas foram ao Morumbi para o milésimo jogo de Rogério Ceni pelo clube. Em campo, o São Paulo não fez feio e venceu o Atlético-MG também por 2 a 1, com gols de Lucas e Dagoberto.

Neste domingo, Rogério sabe que o mais importante será a vitória. Se isso acontecer, a marca pessoal será mais comemorada. Em 499 partidas, são 318 vitórias, 109 empates e 72 derrotas – aproveitamento de 71,1% dos pontos disputados. Além disso, dos 105 gols que marcou na carreira, o são-paulino fez 62 na “segunda casa”.

“É uma marca importante, são tantos jogos que me perco nas contas. Que venha uma vitória no próximo domingo, aí teremos motivos para comemorar. Esperamos o apoio do torcedor, que será fundamental para motivar ainda mais esse grupo”, ressaltou Rogério Ceni.

O São Paulo chega para esse jogo após duas grandes vitórias no Campeonato Brasileiro – venceu Palmeiras (3 a 0) e Vasco (2 a 0). Resultados que deixaram o time são-paulino muito próximo do G4, apenas um ponto atrás do Vasco, que enfrentará o Santos, na Vila Belmiro, nesta rodada.

Em relação ao último jogo, Ney Franco deverá manter a mesma equipe titular. O lateral-direito Douglas, que atuou mais avançado na função de Lucas, agradou e deverá permanecer no time. O comandante reconhece a importância do jogo e, assim como o M1TO, quer ver o Morumbi lotado.

“Tem tudo para estar cheio, nossa equipe está em um bom momento e crescendo no Campeonato Brasileiro. Ainda temos essa marca do Rogério, que é muito expressiva. Então acredito que estaremos em uma tarde bonita e contamos com o apoio do nosso torcedor”, completou o comandante tricolor.

SÃO PAULO X FIGUEIRENSE

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data/Hora: 14/10/2012, às 16h
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Auxiliares: Alessandro A.Rocha de Matos (Fifa-BA) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)

SÃO PAULO:
 Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Denilson, Jadson; Douglas, Osvaldo e Luis Fabiano. Técnico: Ney Franco.

FIGUEIRENSE:
 Wilson; Elsinho, João Paulo, Edson e Hélder; Coutinho, Claudinei, Botti e Ronny; Júlio César e Aloísio. Técnico: Márcio Goiano.

 

Fonte: Site Oficial

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*